Réflexions sur la première partie de la préface de Mr. Pope à l'Ilíade d'Homère / Reflexões sobre a primeira parte do prefácio do Sr. Pope à Ilíada de Homero

Anne Le Fèvre Dacier, Claudia Borges de Faveri

Resumo


http://dx.doi.org/10.5007/1980-4237.2011n10p48

ANNE LE FÈVRE DACIER (1647-1720), foi uma filóloga e tradutora francesa, grande estudiosa da Antiguidade, sendo sobretudo conhecida por suas traduções do grego e do latim. Madame Dacier, como era conhecida em seu tempo, após ter traduzido Anacreonte, Sapho, Plauto, Aristófanes e Terêncio, publica, em 1699, uma versão em prosa da Ilíada, seguida, nove anos mais tarde, por uma tradução, também em prosa, da Odisséia. São sobretudo essas duas traduções de Homero que lhe asseguraram a notoriedade que ela ocupa nas letras francesas.


Palavras-chave


Teoria da tradução; História da tradução; Anne Dacier

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1980-4237.2011n10p48

Sci. Trad., © 2005, UFSC, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 1980-4237

Creative Commons License
Scientia Traductionis is licensed under a Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.