O tradutor sob o prisma do autor: a representação do tradutor na literatura.

Alessandra Matias Querido

Resumo


A análise da representação dos tradutores em textos ficcionais é uma vertente dos Estudos de Tradução que merece atenção, não só pela curiosidade que desperta em saber como os autores tornam os tradutores visíveis em seus livros, mas também, porque o número de publicações nas quais o tradutor é personagem tem aumentado nos últimos anos. Pesquisas recentes demonstram que as representações ficcionais do tradutor podem ser divididas em quatro grandes grupos: textos de ficção científica, narrativas policiais, romances políticos e romances psicológicos. As análises acerca de cada categoria nos levam a crer que o universo literário pode suscitar inúmeras reflexões sobre o tradutor e seu ofício e promover discussões válidas e interessantes sobre a Teoria da Tradução. A identidade do tradutor, a ética na tradução, o papel político e social deste profissional, a relação entre fidelidade e traição, o futuro da profissão entre outras questões podem ser analisadas tendo por base o texto literário.

Palavras-chave


Tradutor;literatura;teoria da tradução

Texto completo:

PDFA


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7968.2011v2n28p47



Cadernos de Tradução, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 2175-7968.