Iñárritu, Alejandro González. The Revenant. EUA, 2015. 156 Min

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7968.2017v37n2p349

Palavras-chave:

Resenha

Resumo

As adaptações de obras literárias para o cinema são práticas corriqueiras e bastantes rentáveis, algumas alcançam bastante sucesso recebendo prêmios e grandes bilheterias, como foi o caso de The Revenant, obra de Michael Punke baseada em fatos reais da vida do explorador Hugo Glass na época do comércio de pele de animais e conflitos entre os brancos e os índios. A adaptação de The Revenant rendeu vários prêmios ao filme e um grande reconhecimento ao diretor mexicano Alejandro Iñarritu. Nessa resenha procuramos mostrar o que há de mais semelhantes entre as duas formas como a história foi contada, exaltando a trabalho da direção do filme em produzir cenários e personagens do século XIX americano.

Biografia do Autor

Stefanie Cavalcanti de Lima Silva, Universidade Federal do Ceará

Mestranda em Estudos Comparados de Literaturas de Línguas Clássicas do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal do Ceará. Graduada em Letras Português e suas Literaturas pela Universidade Federal do Ceará. Universidade Federal do Ceará, Ceará, E-mail: stefanie.silva17@gmail.com

Stefanie Silva, Universidade Federal do Ceará

Stefanie Silva aluna da Universidade Federal do Ceará.

Downloads

Publicado

2017-05-10

Edição

Seção

Resenhas de Tradução