Gestão Social nos Territórios da Cidadania: um estudo de caso no território do Meio Oeste do Contestado

Anderson Sasaki Vasques Pacheco, Luis Moretto Neto, Karin Vieira da Silva

Resumo


Esta pesquisa tem o objetivo de analisar se o programa Territórios da Cidadania, especificamente da região Meio Oeste do Contestado, apresenta interface com os pressupostos teóricos da gestão social. Como fundamentação, foram utilizados estudos sobre gestão social, especialmente de Fernando Tenório. Quanto à metodologia, esse trabalho se enquadra como aplicado e estudo de caso. Para coleta dos dados, predominantemente qualitativos, foram realizadas entrevistas com atores relacionados ao programa. A análise dos dados baseou-se na metodologia para avaliar processos decisórios deliberativos em políticas públicas de Tenório et al. (2008c), assim como na utilização do método de análise de conteúdo. Os resultados ressaltam, em linhas gerais, que, ainda que haja um esforço institucional por parte do governo federal para a efetivação do programa, há, no território, a predominância de grupos de interesses específicos, que articulam suas ações de modo a garantir a manutenção de seus interesses e sobrepõem os anseios individuais aos desejos da coletividade.


Palavras-chave


Gestão Social;Territórios da Cidadania; Política Pública; Participação

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8077.2015v17nespp106

Revista de Ciências da Administração, Universidade Federal de Santa Catarina, Departamento de Administração, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Para entrar em contato com a equipe editorial da Revista RCA, encaminhe um e-mail para rca.cse@contato.ufsc.br

ISSNe 2175-8077    ISSN 1516-3865

Licença Creative Commons
This obra is licensed under a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.