História e filosofia da ciência na educação básica: reflexões a partir da Base Nacional Comum Curricular

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1982-5153.2021.e76590

Palavras-chave:

História e filosofia da ciência, Base Nacional Comum Curricular, Ciências da natureza

Resumo

A História e Filosofia da Ciência (HFC) vêm sendo apontadas como fundamentais para a compreensão científica. A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) é o novo documento que estrutura a Educação Básica do país. Neste sentido, o artigo visa compreender a presença da HFC neste documento, no que diz respeito às Ciências da Natureza do Ensino Fundamental e Médio. Os dados foram analisados por meio da Análise de Conteúdo e os resultados indicam que existe uma incoerência entre as linhas historiográficas adotadas nos textos introdutórios e nas competências e habilidades de cada etapa. Sendo assim, conclui-se que é necessária uma fundamentação mais consistente da HFC na BNCC, a fim de que ela não se torne mais um dificultador da inserção desse tipo de abordagem e, consequentemente, contribua para uma disseminação de visões inadequadas sobre a Natureza da Ciência (NdC).

Biografia do Autor

Patricia Vecchio Guarnieri, Universidade Estadual Paulista

Licenciada em Química pela UEL (2015). Mestra (2018) em Educação para a Ciência pela UNESP, campus de Bauru. Atualmente é doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência (UNESP) e membro do Grupo de Pesquisa em Ensino de Ciências (GPEC). Desenvolve pesquisas em temas relacionados ao Ensino de Ciências/ Química articulando a HFC e formação de professores. Atua como professora na EB da rede pública do Estado de São Paulo.

Mônica Regina Vieira Leite, Universidade Estadual Paulista

Licenciada em Química pela UNESP - Campus Bauru (2018). Mestra em Educação para a Ciência pela UNESP (2020). Atualmente é doutoranda do programa de pós-graduação em Educação para a Ciência na UNESP, bolsista CAPES e membro do GPEC. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Ensino de Química, atuando principalmente nos seguintes temas: HFC, Histórias em Quadrinhos e Ensino de Química. 

Beatriz Salemme Corrêa Cortela, Universidade Estadual Paulista

Doutora (2011) e Mestre (2004) em Educação para Ciência pela UNESP – Campus de Bauru; Especialista em Metodologia e Didática de Ensino pela atual UENP (1999); licenciada em Física e Ciências pela UFSCar (1982); licenciada em Matemática (UENP,1985); e licenciada em Pedagogia com Administração Escolar (1995). É membro do GPEC e do conselho editorial da revista Ciência & Educação. Atualmente é Profª Assistente do Departamento de Educação e docente do Programa de Pós-graduação em Educação para a Ciência da Faculdade de Ciências da UNESP, Bauru.

Sandra Regina Teodoro Gatti, Universidade Estadual Paulista

Licenciada em Física pela UNESP - Campus de Bauru (1995), Mestra pelo Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência pela UNESP (2000) e Doutora em Educação pela Faculdade de Educação da UNICAMP (2005). Pós-Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência da UNESP- Bauru, e membro do GPEC. É professora do Departamento de Educação da FC/BAURU. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Ensino de Física, atuando principalmente nos seguintes temas: Formação de professores, HFC no ensino, Metodologia e Prática de Ensino de Física.

Referências

ALFONSO-GOLDFARB, A. M. O que é história da ciência, São Paulo: Brasiliense, 1994.

ALFONSO-GOLDFARB, A. M.; FERRAZ, M. H. M.; BELTRAN, M. H. R. A historiografia contemporânea e as ciências da matéria: uma longa rota cheia de percalços. In: ALFONSO-GOLDFARB, A. M.; BELTRAN, M. H. R. (Org.) Escrevendo a História da Ciência: tendências, propostas e discussões historiográficas. São Paulo: Educ, 2004, p. 49 -72.

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Tradução de Luís Antero Reto, Augusto Pinheiro. São Paulo: Edições 70, 2016, 279 p.

BASTOS, F. O ensino de conteúdos de História e Filosofia da Ciência. Ciência & Educação. v. 5, n. 1, p. 55-72, 1998.

BRANCO, E. P.; BRANCO, A. B. G.; IWASSE, L. F. A.; ZANATTA, S. C. Uma visão crítica sobre a implantação da Base Nacional Comum Curricular em consonância com a Reforma do Ensino Médio. Debates em Educação, v. 10, n. 21, p. 48-70, 2018.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei nº 9.394/96, de 20 de dezembro de 1996.

BRASIL. Ministério da Educação. A Base. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/a-base. Acesso em: 14 abr. 2020.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular: Ensino Médio. Brasília: MEC/Secretaria de Educação Básica, 2018.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ciências Naturais. Brasília, 1998.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. PCN+ Ensino Médio - Orientações Educacionais Complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais. Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias. Brasília, 2002.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Parâmetros Curriculares Nacionais (Ensino Médio). Brasília, 1999.

CASTRO, R. S. Dois exemplos do uso da História da Ciência no curso de Física de segundo grau: análise e reflexões. In: Em aberto – Tema: Tendências na Educação em Ciências, Brasília, ano 11, no. 55, jul./set. 1992.

CASTRO, R. S. Investigando as contribuições da Epistemologia e da História da ciência no ensino das Ciências: de volta ao passado. In: GATTI, S. R. T.; NARDI, R. (Orgs.). A História e a Filosofia da Ciência no Ensino de Ciências: A pesquisa e suas contribuições para a prática pedagógica em sala de aula, São Paulo: Escrituras Editora, 2016.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GIL-PÉREZ, D. Contribución de la historia y de la filosofía de las ciencias al desarrollo de un modelo de enseñanza/aprendizaje como investigación. Enseñanza de las Ciencias, v. 11, n. 2, p. 197-212, 1993.

GUARNIERI, P. V. A articulação da História e da Filosofia da Ciência e o Ensino em cursos de Licenciatura em Química de uma universidade pública do Estado de São Paulo. 2018. 231 f. Dissertação (Mestrado em Educação para a Ciência) - Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Bauru, 2018.

HÖTTECKE, D.; SILVA, C. C. Why Implementing History and Philosophy in School Science Educationis a Challenge: ananalysis of obstacles. Science & Education, v. 20, p. 293-316, 2011.

LEITE, M. R. V.; CORTELA, B. S. C.; GATTI, S. R. T. História e Filosofia da Ciência em material didático: uma análise de trabalhos apresentados no ENPEC (VII-XI). In: CONGRESSO BRASILEIRO DE EDUCAÇÃO, 7., 2019, Bauru, Anais..., Bauru: Faculdade de Ciências, 2019.

LIBÂNEO, J. C. O dualismo perverso da escola pública brasileira: escola do conhecimento para os ricos, escola do acolhimento social para os pobres. Educação e Pesquisa. v. 38, n. 1, p. 13-28, 2012.

MAAR, W. L. Adorno, Semiformação e Educação. Educ. Soc., Campinas, v. 24, n. 83, p. 459-476, 2003.

MARTINS, A. F. P. História e Filosofia da Ciência no Ensino: há muitas pedras nesse caminho. Caderno Brasileiro de Ensino de Física,, v. 24, n. 1, p. 112-131, 2007.

MARTINS, R. A. A História das Ciências e seus usos na Educação. In: SILVA, C. C. (Org.). Estudos de História e filosofia das Ciências: Subsídios para Aplicação no Ensino, São Paulo: Editora Livraria da Física, 2006. p. XVII – XXX.

MARTORANO, S. A. A. A transição progressiva dos modelos de ensino sobre cinética química a partir do desenvolvimento histórico do tema. 2012. 360 f. Tese (Doutorado em Ensino de Ciências) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012.

MATTHEWS, M. R. História, Filosofia e Ensino de Ciências: a tendência atual de reaproximação. Caderno Catarinense de Ensino de Física, v. 12, n. 3, p. 164-214, 1995.

NARDI, R; CORTELA, B.S.C. Formação inicial de professores de Física: novas diretrizes, antigas contradições. In: NARDI, R; CORTELA, B.S.C. Formação inicial de professores de Física em universidades públicas: estudos realizados a partir de reestruturações curriculares. São Paulo: Livraria da Física, 2015. p. 7-46.

PORTO, P. A. História e Filosofia da Ciência no Ensino de Química: Em busca dos objetivos educacionais da atualidade. Ensino de química em foco. Editora Unijuí, p.160-180, 2010.

SILVA, M. R. A BNCC da reforma do Ensino Médio: o resgate de um empoeirado discurso. Educação em Revista, v. 34, p. 1-15, 2018.

WARTHA, E. J.; SILVA, E. L.; BEJARANO, N. R. R. Cotidiano e Contextualização no Ensino de Química. Química Nova na Escola, v. 35, n. 2, p. 84-91, 2013.

Arquivos adicionais

Publicado

2021-11-16

Edição

Seção

Artigos