Ambiência em um CAPSinfanto-juvenil: a experiência de um Coletivo brincante

Conteúdo do artigo principal

Raquel Godinho Hokama dos Santos
Rosana Onocko Campos

Resumo

esse artigo reflete sobre a experiência de uma equipe de CAPSi, na criação e implementação de uma reorganização do trabalho a partir do dispositivo clínico-institucional ‘Ambiência’.O processo relatado foi recuperado de: atas das reuniões de equipe, documentos dos planejamentos e diários de campo da supervisão clínico-institucional. Realizamos posteriormente, uma discussão da experiência apontando para as bases teóricas das práticas interdisciplinares vigorantes na “Ambiência”, esperando que contribuam com os processos de reflexão de outras equipes de saúde mental.

Detalhes do artigo

Como Citar
SANTOS, Raquel Godinho Hokama dos; CAMPOS, Rosana Onocko. Ambiência em um CAPSinfanto-juvenil: a experiência de um Coletivo brincante. Cadernos Brasileiros de Saúde Mental/Brazilian Journal of Mental Health, [S. l.], v. 7, n. 15, p. 41–52, 2015. DOI: 10.5007/cbsm.v7i15.68516. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/cbsm/article/view/68516. Acesso em: 23 jun. 2024.
Seção
Artigos originais
Biografia do Autor

Raquel Godinho Hokama dos Santos, Serviço de Saúde dr. Cândido Ferreira

Trabalho há 5 anos em CAPSi de Campinas, como Terapeuta Ocupacional (graduada na Univer. Federal de São carlos); aprimoramento profissional em saúde mental e coletiva/UNICAMP (2006); cursos de extensão para aperfeiçoamento de estudo da obra de D.W. winnicott

Rosana Onocko Campos, Universidade estadual de campinas

Profa Dra do Departamento de medicina Preventiva e Social/UNICAMP, supervisora clínico-institucional de serviços de saúde mental da rede pública de Campinas-SP,