Cartografias da migração na literatura quebequense contemporânea

Maria Bernadette Velloso Porto

Abstract


http://dx.doi.org/10.5007/2175-8026.2001n40p85

 

Centrando-se na literatura quebequense, as reflexões aqui desenvolvidas pretendem mostrar que, representada no plano ficcional como categoria estética, a experiência das migrações oferece pistas interessantes para a compreensão de paisagens sociais da contemporaneidade onde se esboçam imaginários de pertencimentos plurais e a crise na ordem das filiações identitárias. Além de destacar vias privilegiadas de acesso à literatura migrante produzida no Quebec, reconhece-se que a vivência do exílio, do estranhamento e da extraterritorialidade – detectados nos planos cultural, geográfico e lingüístico – diz respeito ao próprio ato da escrita, vista como exercício maior da alteridade.


Keywords


Quebec - Literatura Migrante - Mutações identitárias



DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8026.2001n40p85

Copyright (c) 2001 Maria Bernadette Velloso Porto

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.