Uma visão filosófica do ser: A vida dos animais e o conto “The glass abattoir”, de JM Coetzee A Philosophical Vision about being: The Life of Animals and the short story The “Glass Abbatoir”, by JM Coetzee

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8026.2021.e72948

Palavras-chave:

JM Coetzee, Direitos dos animais, Literatura

Resumo

Este artigo analisa “The glass abattoir”, um dos contos de Moral tales (COETZEE, no prelo b), entendido como uma sequência de A vida dos animais (COETZEE, 2003), ambos escritos por JM Coetzee. Buscaremos compreender o movimento do autor na direção da ética em favor do direito à vida dos animais, questionando os códigos morais que justificam o consumo de carne. Coetzee transita pelo discurso filosófico em ambas as obras, refutando a existência de uma superioridade humana sobre esses animais. Em ambos os textos, a personagem principal é Elizabeth Costello, considerada alter ego de Coetzee. No conto, ela assume o inconformismo do autor com relação à forma que nós, indivíduos onívoros, tratamos os animais que comemos e estabelecemos um “equilíbrio ecológico” ao decidir quais, como e quando morrem. Mostramos que, em “The glass abattoir”, a personagem rompe com os discursos e planeja tornar fisicamente visível o que ocorre dentro dos abatedouros.

Biografia do Autor

Marilia Fatima Oliveira, Universidade Federal do Tocantins

Professora de Literaturas de Língua Inglesa na Universidade Federal do Tocantins

Pesquisadora de Literaturas Africanas de Língua Inglesa e Portuguesa, Violência na Literatura, Literaturas da Diáspora, da Diferença e do (Pós/Neo) colonialismo.

Referências

A BÍBLIA sagrada. Tradução: João Ferreira de Almeida. 2. ed. Barueri: Sociedade Bíblica do Brasil, 1993.

ARISTÓTELES. Política. 3. ed. Brasília: UnB, 1997.

ATTRIDGE, D. JM Coetzee and the ethics of reading: literature in the event. Londres: The University of Chicago Press, 2004.

COETZEE, J. M. Dusklands. Harmondsworth: Penguin Books, 1974.

COETZEE, J. M. In the heart of the country. Londres: Penguin Books, 1977.

COETZEE, J. M. No coração do país. Rio de Janeiro: Best Seller, 1997a.

COETZEE, J. M. Terra das sombras. São Paulo: Best Seller, 1997b.

COETZEE, J. M. The lives of animals. Princeton: Princeton University Press, 1999a.

COETZEE, J. M. Waiting for the barbarians. Londres: Penguin Books, 1999b.

COETZEE, J. M. Desonra. São Paulo: Companhia das Letras, 2000a.

COETZEE, J. M. Disgrace. Harmondsworth: Penquin Books, 2000b.

COETZEE, J. M. A vida dos animais. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

COETZEE, J. M. Elizabeth Costello. São Paulo: Companhia das Letras, 2004.

COETZEE, J. M. À espera dos bárbaros. São Paulo: Companhia das Letras, 2006.

COETZEE, J. M. Siete cuentos morales. Barcelona/Buenos Aires: Penguim Random House, 2018.

COETZEE, J. M. Contos morais [título provisório]. São Paulo: Companhia das Letras, no prelo a.

COETZEE, J. M. Moral tales [título provisório]. [S.l.]: [s.n.], no prelo b.

DERRIDA, J. O animal que logo sou. São Paulo: Editora Unesp, 2002.

GLASS WALLS. Produção: People for the Ethical Treatment of Animals. Intérpretes: Paul McCartney. [S.l.]: [s.n.]. 2012. 1 vídeo. Disponível em: https://youtu.be/ql8xkSYvwJs. Acesso em: 15 nov 2019.

HEIDEGGER, M. The fundamental concepts of metaphysics: world, finitude, solitude. Bloomington: Indiana University Press, 1995.

IN CONVERSATION. Produção: Entrevistadora: Soledad Constantini. Entrevistado: JM Coetzee. [S.l.]: [s.n.]. 29 maio 2019. 1 vídeo. Disponível em: https://youtu.be/4VNk52t-YPM. Acesso em: 15 nov 2019.

JOYCE, J. Ulisses. [S.l.]: [s.n.], 1922.

KÖHLER, W. The mentality of apes. Oxford: Harcour, 1925.

KAFKA, F. A report to an academy. Der Jude, Berlin, n. 2, 1917.

LEIST, A.; SINGER, P. Coetzee and ethics: philosophical perspectives on literature. Nova Iorque: Columbia University Press, 2010.

MACIEL, M. E. A vida dos outros: JM Coetzee e a questão dos animais. Aletria, Belo Horizonte, v. 21, n. 3, p. 91-101, 2011.

MONTAIGNE, M. Ensaios. São Paulo: Abril Cultural, 1980.

SINGER, P. Ética prática. 3. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2002.

SWIFT, J. A modest proposal: for preventing the children of poor people from being a burden to their parents or country, anf for making them beneficial to the publick. [S.l.]: [s.n.], 2008. E-book. Disponível em: http://www.gutenberg.org/files/1080/1080-h/1080-h.htm. Acesso em: 15 nov. 2019.

Downloads

Publicado

2021-01-28

Edição

Seção

Contextos literários: gênero, identidade e resistência