Aproximações entre o processo de adaptação de Piaget e os modos de conversão do conhecimento de Nonaka & Takeuchi

Marina Ferreira de Castro Wille, Regina Alves de Morais Marques, Helena de Fátima Nunes Silva, Tânia Stoltz, Verônica Branco

Resumo


http://dx.doi.org/10.5007/1518-2924.2012v17nesp1p24

 

O presente artigo relaciona conceitos da teoria de criação do conhecimento organizacional de Nonaka e Takeuchi com conceitos envolvidos no processo de equilibração majorante de Piaget. A pesquisa bibliográfica e exploratória busca relacionar tais teóricos a fim de enriquecer a pesquisa organizacional com contribuições da área educacional e da psicologia. A discussão aponta para uma aproximação entre os modos de conversão do conhecimento de Nonaka e Takeuchi, ou seja, socialização, externalização, combinação e internalização, com elementos envolvidos no processo de equilibração majorante de Piaget, tidos como assimilação, acomodação, conflito cognitivo e adaptação. Conclui-se que os referenciais tratados podem ser compreendidos como embasados em visão construtivista e interacionista.


Palavras-chave


Conhecimento organizacional; Nonaka; Takeuchi; Piaget.

Texto completo:

PDF-A




Direitos autorais 2012 Marina Ferreira de Castro Wille, Regina Alves de Morais Marques, Helena de Fátima Nunes Silva, Tânia Stoltz, Verônica Branco

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Enc. Bibli: R. Eletr. Bibliotecon. Ci. Inf., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1518-2924.

Conteúdos do periódico licenciados sob uma Licença Creative Commons 4.0 By  (mais informação)