A produção científica cubana no índice de citaçoes de fontes emergentes: notas para sua inclusão na avaliação da ciência nacional

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/1518-2924.2023.e91879

Palavras-chave:

Emerging Sources Citation Index, ESCI, Cuba, Produção científica, visibilidade e impacto, bibliometria

Resumo

Objetivo: o estudo visa determinar a visibilidade e o impacto da produção científica cubana no Emerging Sources Citation Index para contribuir com a necessária inclusão desta base de dados no sistema de avaliação dentro do processo de avaliação científica institucional em Cuba.

Método: a partir de uma abordagem bibliométrica descritiva, analisam-se os principais dados da produção científica primária e citante que circulam pelo ESCI. A produção científica cubana obtida corresponde ao período abrangido pelo ESCI (2005-2021), e a análise foi delimitado aos últimos 10 anos (2012-2021).

Resultados: ao analisar os 19 periódicos cubanos indexados no ESCI, obteve-se como resultado que 3 periódicos cubanos de instituições da província de Cienfuegos se destacam como os mais produtivos (Universidad y Sociedad, Conrado Magazine e Medisur), no entanto, apenas a Universidad y Sociedad e a Revista Cubana de Física alcançam os valores mais altos do índice h para um valor de 5. O ESCI é uma base de dados que permite uma aproximação mais próxima da avaliação da pesquisa em Ciências Sociais, levando em consideração as categorias temáticas que mais representam a produção científica cubana indexada. Durante o período de 2005 a 2021, ESCI torna visível 43,4% da produção científica cubana dentro da coleção principal da WoS, o que mostra que não apenas os principais índices devem ser levados em conta para a avaliação da produção científica em Cuba. A produção científica cubana na ESCI tem tido uma tendência crescente onde os periódicos cubanos indexados nesta base de dados representam 56% do volume total analisado. A pesquisa cubana visível desde o ESCI afeta 94% das categorias temáticas segundo a produção científica citante, onde foram corroborados 143 países e onde a pesquisa cubana impacta 2.452 periódicos. O 40% das autocitações nesta base de dados provêm de periódicos cubanos.

Conclusões: é fundamental para a avaliação dos processos científicos em Cuba incluir a base de dados ESCI da coleção principal WoS, tendo em conta o desempenho alcançado desde o início da indexação da produção científica. Constitui uma fonte de informação com níveis de indexação e avaliação da qualidade das revistas. Também é importante considerar a autocitação como um fenômeno que pode levar à endogamia e prejudicar a visibilidade científica futura. Este estudo apresenta pela primeira vez a situação das revistas cubanas na ESCI.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

María Josefa Peralta González, Central University of Las Villas

Degree in Education. PhD in Scientific Information and Documentation at the University of Granada and Information Sciences from the University of Havana. Master in Library and Information Science, University of Havana. Professor, Department of Information Sciences. Head of Research and Graduate of the Faculty of Mathematics, Physics and Computing at UCLV. Member of the Board of Experts in Information Processing. Provides consultancy for the evaluation of science policy and institutional scientific production in this university by bibliometric indicators.

Orlando Gregorio-Chaviano, Pontificia Universidad Javeriana

Profesor de tiempo completo en la Carrera de Ciencia de la Información, Bibliotecología y Archivística de la Pontificia Universidad Javeriana, Bogotá, Colombia. Doctor en Comunicación por la Universidad de Huelva, España, Máster en Información y Comunicación por la Universidad de Granada, España y Licenciado en Bibliotecología de la Universidad de La Habana, Cuba.

Referências

ARENCIBIA, R. Visibilidad Internacional de la Ciencia y Educación Superior Cubanas: desafíos del estudio de la producción científica. 2010. Tese (Doutorado em Documentação e Informação Científica) - Facultad de Comunicación y Documentación Universidad de Granada, Granada, 2010.

GREGORIO-CHAVIANO, O.; LÓPEZ-MESA, E. C.; LIMAYMANTA, C. Web of Science como herramienta de investigación y apoyo a la actividad científica: luces y sombras de sus colecciones, productos e indicadores. E-Ciencias de la Información, v.12, n.1, p. 134-157, jan./jun. 2022. DOI: http://dx.doi.org/10.15517/eci.v12i1.46660. Disponível em: http://www.scielo.sa.cr/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1659-41422022000100134&nrm=iso Acesso em: 24 agosto 2022.

GARG, S.; SANGWAN, S. Literature Review on Diversity and Inclusion at Workplace, 2010-2017. Vision-the Journal of Business Perspective, v. 25, n. 1, p. 12-22, dez. 2021. DOI: https://doi.org/10.1177/0972262920959523. Disponível em: https://journals.sagepub.com/doi/full/10.1177/0972262920959523 Acesso em: 25 ago. 2022.

GUVEMLI, B.; ESKIN, İ. A survey of published works in de computis (2004-2019). De Computis: Revista Española de Historia de la Contabilidad, v.18, n. 1, p. 169-185, jun. 2021. DOI: http://dx.doi.org/10.26784. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=8036245 Acesso em: 25 ago. 2022.

HOCEVAR, M.; BARTOL, T. Mapping urban tourism issues: analysis of research perspectives through the lens of network visualization. International Journal of Tourism Cities, v. 7, n. 3, p. 818-844, 2021. DOI: https://doi.org/10.1108/IJTC-05-2020-0110. Disponível em: https://www.emerald.com/insight/content/doi/10.1108/IJTC-05-2020-0110/full/html. Acesso em: 24 ago. 2022.

MUÑOZ-ÑÚNGO, B., et al. La presencia de la mujer en las publicaciones de Educación en Colombia: un análisis en el Emerging Sources Citation Index. Biblios: Journal of Librarianship and Information Science, v. 2021 n. 82, p. 41-50. 2021. DOI: https://doi.org/10.5195/biblios.2021.959. Disponível em: http://biblios.pitt.edu/ojs/index.php/biblios/article/view/959. Acesso em: 24 ago. 2022.

REPISO, R.; JIMÉNEZ-CONTRERAS; E.; AGUADED, I. Revistas Iberoamericanas de Educación en SciELO Citation Index y Emerging Source Citation Index. Revista Española de Documentación Científica, v. 40. n. 4, p. 1-13, 2017. DOI: http://dx.doi.org/10.3989/redc.2017.4.1445. Disponível em: http://eprints.rclis.org/33490/1/990-4576-1-PB.pdf. Acesso em: 24 ago. 2022.

RIVERO AMADOR, S. Sistema de indicadores para la gestión de la ciencia y la tecnología en la Universidad de Pinar del Río (Cuba), mediante la utilización del Curriculum Vitae del investigador como fuente principal de información. 2016. Tese (Doutorado em Documentação e Informação Científica) - Facultad de Comunicación y Documentación Universidad de Granada, Granada, 2016.

SKALABAN, A.; YURIK, I.; LAZAREV, V.; LIS, P. Analyzing Belarus science journals indexed by Science Citation Index Expanded and Emerging Sources Citation Index. Scientific and Technical Libraries, v. 11, p. 93-110, 2019. Disponível em: https://ntb.gpntb.ru/jour/article/view/505?locale=en_US. Acesso em: 24 ago. 2022.

RUIZ-PÉREZ, R.; JIMÉNEZ-CONTRERAS, E. RELIEVE: 15 years of educational research and evaluation. Relieve-Revista Electronica De Investigación y Evaluación Educativa, v. 26, n. 2, jul. 2020. DOI: https://doi.org/10.7203/relieve.26.2.18969. Disponível em: https://revistaseug.ugr.es/index.php/RELIEVE/article/view/17350. Acesso em: 25 ago. 2022.

Publicado

2023-05-17

Como Citar

PERALTA GONZÁLEZ, María Josefa; GREGORIO-CHAVIANO, Orlando. A produção científica cubana no índice de citaçoes de fontes emergentes: notas para sua inclusão na avaliação da ciência nacional. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, [S. l.], v. 28, p. 1–14, 2023. DOI: 10.5007/1518-2924.2023.e91879. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/91879. Acesso em: 24 maio. 2024.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)