Perspectivas Críticas e Justiças Epistêmicas nos Estudos Informacionais

Autores

  • Natalia Duque Cardona Universidade de Antioquia, Medellín, Colômbia
  • Franciéle Carneiro Garcês da Silva Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC http://orcid.org/0000-0002-2828-416X

Palavras-chave:

Injustiça epistêmica, Justiça epistêmica, Bibliotecas

Resumo

Editorial do Dossiê Especial "(In)Justiça epistêmica em Biblioteconomia e Ciência da Informação".

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Natalia Duque Cardona, Universidade de Antioquia, Medellín, Colômbia

Doutora em Ciências Humanas e Sociais pela Universidade Nacional da Colômbia. Mestre em Educação com ênfase em Estudos Interculturais.Graduada em Biblioteconomia pela Universidade de Antioquia. Atualmente é professora associada da Escola Interamericana de Biblioteconomia da Universidade de Antiquia.

Franciéle Carneiro Garcês da Silva, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Doutora em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Minas Gerais. Professora Colaboradora do Programa de Pós-Graduação em Gestão da Informação, da Universidade do Estado de Santa Catarina (PPGInfo/UDESC). Idealizadora e gestora do Quilombo Intelectual e Coordenadora do Selo Nyota. Vice-líder do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Recursos, Serviços e Práxis Informacionais (NERSI-UFMG).

Referências

FRICKER, Miranda. Injusticia epistémica. Barcelona, CT: Herder, 2017.

Publicado

2023-05-05

Como Citar

DUQUE CARDONA, Natalia; GARCÊS DA SILVA, Franciéle Carneiro. Perspectivas Críticas e Justiças Epistêmicas nos Estudos Informacionais. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, [S. l.], v. 28, n. Dossie Especial, p. 1–8, 2023. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/view/93924. Acesso em: 14 jul. 2024.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.