Estudo comparativo sobre as atividades experimentais em coleções de Física coincidentes recomendados nas edições 2012 e 2015 do PNLD

Autores

  • Wendel Fajardo Reis Instituto Federal do Norte de Minas Gerais, Campus Januária
  • Maria Inês Martins Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7941.2016v33n2p462

Palavras-chave:

Ensino de Física, Livro Didático, Atividades Experimentais, Parâmetros Curriculares

Resumo

O Ensino Médio pressupõe uma aprendizagem abrangente e significativa dos conteúdos, em que o professor deve valer-se de recursos didáticos disponíveis e adequados à sua prática. Nessa perspectiva, a atividade experimental torna-se um importante instrumento de ensino a ser explorado no estudo da Física, que também pode ser vivenciado pelos alunos por meio do livro didático (LD). Nesta pesquisa, realiza-se uma análise comparativa das atividades experimentais nas coleções de Física coincidentes nas edições de 2012 e 2015 do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD). Para isso, aplica-se a classificação proposta por Barros (2009), fundamentada em competências e habilidades dos Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio (PCNEM) (BRASIL, 1999) e nos temas estruturadores de suas orientações educacionais complementares (PCN+) (BRASIL, 2002). Os resultados mostram uma distribuição não uniforme dos experimentos nos temas da Física, em que ainda prevalecem os arranjos relacionados aos movimentos dos corpos. Para as categorias e dimensões de análise, verifica-se que os autores procuram evidenciar as competências e habilidades do PCNEM, entretanto os aspectos históricos sociais continuam pouco contemplados nas duas edições do Programa. Por fim, espera-se que as informações apresentadas nesse trabalho possam contribuir para a prática docente, com foco nas atividades experimentais dos livros didáticos de Física.

Biografia do Autor

Wendel Fajardo Reis, Instituto Federal do Norte de Minas Gerais, Campus Januária

Professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais no campus de Januária - Área: Física

Maria Inês Martins, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Professora da Graduação e do Mestrado em Ensino da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas) - Área: Física.

Downloads

Publicado

2016-09-08

Edição

Seção

Formação inicial e continuada do professor de Física