Ensino interativo na abordagem de Eletricidade numa escola portuguesa

Autores

  • Maria José Quintas Agrupamento de Escolas de Valbom, Gondomar, Instituto de Física dos Materiais, Universidade do Porto
  • Paulo Simeão Carvalho Instituto de Física dos Materiais, Universidade do Porto, Porto http://orcid.org/0000-0002-5381-955X

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-7941.2016v33n3p839

Palavras-chave:

Ensino interativo, Circuitos elétricos, Atividades práticas laboratoriais, Software educativo, Vídeo educativo, WebQuest, Ganhos de aprendizagem

Resumo

A exploração de materiais didáticos interactivos é vista como potenciadora de uma melhor aprendizagem da Física. Neste trabalho apresentam-se alguns resultados obtidos da realização de atividades práticas de laboratório (APL) e exploração de ferramentas baseadas em recursos educativos digitais (RED), na abordagem de Eletricidade em algumas escolas portuguesas. Nesta investigação, os alunos foram divididos em Grupo Experimental (GE) e Grupo de Controlo (GC). Na recolha dos dados foram usadas fichas, relatórios de aula, inquéritos e entrevistas. Os resultados apontam para uma melhor aprendizagem dos alunos do GE, validando assim as hipóteses de qualidade e de continuidade desta prática de ensino e aprendizagem nas escolas. Este trabalho mostra também que quer a utilização pelos alunos dos materiais interativos quer a formação dos professores na exploração desses materiais, são necessárias para promover uma aprendizagem colaborativa.

Biografia do Autor

Maria José Quintas, Agrupamento de Escolas de Valbom, Gondomar, Instituto de Física dos Materiais, Universidade do Porto

Maria José Quintas é professora contratada de Física e Química, com mestrado em Física e Química em Contexto Escolar. É presentemente aluna do Programa Doutoral em Ensino e Divulgação das Ciências da FCUP (Portugal), desenvolvendo a sua investigação na área do Ensino da Física.

Paulo Simeão Carvalho, Instituto de Física dos Materiais, Universidade do Porto, Porto

Paulo Simeão Carvalho é professor auxiliar do Departamento de Física e Astronomia da FCUP, investigados do Instituto de Física dos Materiais da UP (IFIMUP) e da Unidade de Ensino das Ciências. Os seus interesses atuais são na área do ensino e divulgação da física e na formação inicial e contínua de professores.

Downloads

Publicado

2016-12-15

Edição

Seção

Pesquisa em Ensino de Física