A GESTÃO DO CONHECIMENTO HOLÍSTICA: Análise de Aderência do Modelo de Angeloni

Conteúdo do artigo principal

Fábio Corrêa
http://orcid.org/0000-0002-2346-0187
Fabrício Ziviani
https://orcid.org/0000-0002-2705-846X

Resumo

Objetivo: Analisar a aderência do modelo de Angeloni (2002) a Gestão do Conhecimento holística.Design/Metodologia/Abordagem: Método de Análise de Conteúdo, de cunho qualitativo, e abordagem quantitativa para obtenção do grau de aderência do modelo analisado a Gestão do Conhecimento holística.Resultados: O modelo de Angeloni (2002) se adere em 23,1% pontos percentuais a Gestão do Conhecimento holística, conforme caracterização apresentada nessa pesquisa. Perante a essa análise é possível inferir que há necessidade de desenvolvimento de novas estruturas amparadas no paradigma holístico, para que se tenha um modelo de Gestão do Conhecimento abrangente.Limitações da pesquisa: Esse resultado não é conclusivo, pois esta inferência é fundamentada em um único modelo, sendo esta uma limitação desta pesquisa. Todavia, perante a esta limitação surge a oportunidade de pesquisas futuras que analisem outros modelos de Gestão do Conhecimento, considerando os delineamentos aqui apresentados.Implicações práticas: A caracterização da GC holística e suas dimensões pode influenciar outros pesquisadores a desenvolverem modelos que considerem os aspectos expostos nesta pesquisa, permitindo o atingimento de um modelo de gerenciamento do conhecimento organizacional pautado no paradigma holístico. Originalidade/valor: A pesquisa ajusta o gerenciamento do conhecimento ao paradigma holístico e descreve as partes que constituem essa gestão, bem como explicita um método para análise de outros modelos que, se aplicado por outros pesquisadores, pode revelar o quanto o gerenciamento do conhecimento está caminhando rumo ao atingimento de um modelo holístico.

Detalhes do artigo

Seção
Artigos
Biografia do Autor

Fábio Corrêa, Centro Universitário Newton Paiva

Doutor e Mestre em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento. Possui MBA em Engenharia de Software e Governança de Tecnologia da Informação e Graduação em Sistemas de Informação. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Sistemas de Informação, e Ciência da Informação, com ênfase em Gestão do Conhecimento.

Fabrício Ziviani, Universidade FUMEC e UEMG

Doutor em Ciência da Informação pela UFMG (2012). Possui Mestrado em Administração Pública - Gestão da Informação pela Escola de Governo - Fundação João Pinheiro (2005), Especialização em Gestão de Tecnologia pela Universidade Estácio de Sá (2001) e Graduação em Administração com Habilitação Análise de Sistemas pelo Centro Universitário do Espírito Santo (1999). Atualmente é professor Adjunto do Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento da Universidade FUMEC. Professor Adjunto VI da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) atuando na Faculdade de Políticas Públicas. Professor convidado do Programa Pós-Graduação Lato sensu da FDC. Diretor Executivo da TECINOVA Soluções Corporativas LTDA. Possui quatorze anos de experiência na formação de profissionais e executivos nas diferentes áreas de negócios. Associado individual da SBGC, ANPAD e ANCIB. Atua principalmente nas áreas de Gestão do conhecimento e da Informação; Inovação; Redes de Colaboração e Aprendizagem; Transferência de Tecnologia e Conhecimento e Estratégia e Estrutura Organizacional.