Mercosul e Reforma do Estado: o retrocesso da Seguridade Social

Autores

  • Ivete Simionatto UFSC - Florianópolis - SC

Palavras-chave:

Estado, Sociedade civil, Políticas públicas, Mercosul, State, Civil society, Public policies

Resumo

O presente estudo trata dos fundamentos teóricos que estão na base dos projetos de reforma do Estado nos países do Mercosul: Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. Busca-se identificar as concepções de Estado, sociedade civil e mercado e os novos papéis atribuídos a esses atores na década de 1990. Trata ainda, da concepção de políticas públicas, do papel dos organismos internacionais e das alterações ocorridas no âmbito da Seguridade Social.

Biografia do Autor

Ivete Simionatto, UFSC - Florianópolis - SC

Possui graduação em Serviço Social pela UFSC (1977), mestrado em Administração pela UFSC (1983), doutorado em Serviço Social pela PUCSP (1993) e pós-doutorado (2003) no European University Institute (Itália). Atualmente é adjunto I da UFSC. Tem experiência na área de Serviço Social, com ênfase em Fundamentos do Serviço Social, atuando principalmente nos seguintes temas: pensamento gramsciano, sociedade civil, Estado, políticas públicas e formação profissional.

Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Downloads

Publicado

2001-01-01