OS MEGAEVENTOS ESPORTIVOS E SEUS IMPACTOS: o caso das Olimpíadas da China

Ricardo Ricci Uvinha

Resumo


  A presente década apresenta ao Brasil a possibilidade de realização de dois expressivos megaeventos esportivos: a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de Verão de 2016. Entende-se a partir daí fundamental compreender os possíveis impactos nas cidades-sede, em especial nos setores de lazer, esporte e turismo. O texto utilizará como caso dos XXIX Jogos Olímpicos de Verão em Beijing, China, explorando seus significados e levando em consideração o valioso exemplo ocorrido no âmbito daquela cultura milenar, mesmo que se trate de uma realidade aparentemente tão dispare da brasileira mesmo em dias que vivemos sob a égide da globalização.

Palavras-chave


Megaeventos esportivos; China; Lazer e Turismo

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8042.2009n32-33p104



R. Motriviv., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe: 2175-8042.

Os textos publicados na Revista Motrivivência estão licenciados com uma Licença Creative Commons de atribuição não comercial compartilhar igual: CC BY-NC-SA