Relatos e memórias dos moradores de rua: estudos sobre qualidade de vida, políticas públicas e lazer para a população em situação de rua da cidade de Criciúma/SC.

Autores

  • Clarissa Mariano Rocha UNIVERSIDADE DO EXTREMO SUL CATARINENSE - UNESC
  • Carlos Augusto Euzébio UNIVERSIDADE DO EXTREMO SUL CATARINENSE - UNESC

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8042.2013v25n41p258

Palavras-chave:

Moradores de rua, qualidade de vida, lazer, políticas públicas

Resumo

 

Este artigo expõe questões sobre o que é qualidade de vida e lazer para a sociedade em geral e para os moradores de rua de Criciúma/SC, e também quais as políticas públicas que os cidadãos de rua têm por direito. A lógica capitalista produz desigualdades, na pirâmide social que o capitalismo cria nem todos terão acesso à saúde, educação e, principalmente, direito à moradia. Na base desta pirâmide se encontram os moradores de rua que vivem em condições subumanas na linha da miséria.

Biografia do Autor

Clarissa Mariano Rocha, UNIVERSIDADE DO EXTREMO SUL CATARINENSE - UNESC

Licenciada em Educação Física

Carlos Augusto Euzébio, UNIVERSIDADE DO EXTREMO SUL CATARINENSE - UNESC

Licenciado em Educação Física, mestre em Educação

Downloads

Publicado

2013-11-26