Produção acadêmica sobre masculinidades nos anais do congresso brasileiro/internacional de ciências do esporte

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8042.2020e76309

Palavras-chave:

Educação Física, Gênero, Masculinidade, Revisão acadêmica

Resumo

Este estudo busca mapear e problematizar a produção acadêmica relativa aos estudos sobre homens e masculinidades no campo da Educação Física, por meio de um levantamento bibliográfico nos anais do Congresso Brasileiro/Internacional de Ciências do Esporte, para discutir significações da masculinidade presentes nos trabalhos publicados nos encontros nacionais dos últimos quinze anos. Entre os resultados, os trabalhos trouxeram a prevalência nas práticas corporais e esportivas de uma masculinidade hegemônica ou de outras expressões que denotavam uma dominação do masculino segregadora, visibilizando bem pouco os processos de resistência de masculinidades outras nestes espaços, o que vemos como uma lacuna a ser preenchida pelos futuros trabalhos. Finalizamos o trabalho apontando caminhos teóricos e empíricos, que podem ser potentes e produtivos para as futuras pesquisas dos estudos sobre homens e masculinidades na área da Educação Física.

Biografia do Autor

João Gabriel Marques Portilho, Escola de Educação Física da Universidade Federal do Rio de Janeiro (EEFD-UFRJ)

Licenciado em Educação Física (2020) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Leandro Teofilo de Brito, Colégio Pedro II/Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Atualmente é Pós-Doutorando do Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (ProPEd-UERJ) e vice-líder do Grupo de estudos sobre Diferença e Desigualdade na Educação Escolar da Juventude (DDEEJ-UERJ). Licenciado em Educação Física (2006) e Mestre em Educação (2013) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Doutor em Educação (2018) pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Docente do Colégio Pedro II (RJ). 

Ana Paula da Silva Santos, SME-Duque de Caxias/Universidade Estácio de Sá

Possui formação em Licenciatura em Educação Física (2001) e Mestrado em Educação (2013), ambos pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Doutorado em Educação (2018) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/RIO) na linha de pesquisa processos culturais, instâncias da socialização e a educação. Professora da Rede municipal de Duque de Caxias (RJ) e Professora dos cursos de Pedagogia e Educação Física da Universidade Estácio de Sá. 

Referências

ALMEIDA, Sebastião Carlos. Arte marcial e masculinidades: relações modernas para culturas tradicionais. In: XIX CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 19., VI CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 6., 2015, Vitória. Anais... Vitória, CBCE, 2015. Disponível em: https://bit.ly/3hONRKy. Acesso em: 31 de jul. 2020.

ANJOS, Luiza Aguar dos; GOELLNER, Silvana Vilodre. O repúdio à Coligay. In: XXI CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 21., VIII CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 8., 2019, Natal. Anais... Natal, CBCE, 2019. Disponível em: https://bit.ly/31hDR5T. Acesso em: 31 de jul. 2020.

BORRILLO, Daniel. Homofobia: história e crítica de um preconceito. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2010.

BRITO, Leandro Teofilo de. Da masculinidade hegemônica à masculinidade queer/cuir: debatendo performatizações emergentes do masculino no esporte brasileiro. In: XXI CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 21., VIII CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 8., 2019, Natal. Anais... Natal, CBCE, 2019. Disponível em: https://bit.ly/2ExyLe4. Acesso em: 31 de jul. 2020.

BRITO, Leandro Teofilo de. Performances de masculinidades no contexto do voleibol: narrativas em perspectiva interseccional. In: XX CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 20., VII CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 7., 2017, Goiânia. Anais... Goiânia, CBCE, 2017. Disponível em: https://bit.ly/2EuElxN. Acesso em: 31 de jul. 2020.

BRITO, Leandro Teofilo de; SANTOS, Mônica Pereira dos. Masculinidades na Educação Física escolar: um estudo sobre os processos de inclusão/exclusão. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 27, n. 2, p. 235-246, abr./jun. 2013. Disponível em: https://bit.ly/2CXoB5Z. Acesso em: 28 de jul. 2020.

CARDOSO, Berta Leni Costa; CÁRDENAS, Carmem Jansen de; SAMPAIO, Tânia Mara Vieira. Limites e preconceitos em modalidades hegemonicamente masculinas: o caso do boxe feminino. In: XVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 18., V CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 5., 2013, Brasília. Anais... Brasília, CBCE, 2013. Disponível em: https://bit.ly/315qtSv. Acesso em: 31 de jul. 2020.

CASTRO, Susana de. O papel das escolas no combate às masculinidades tóxicas. Revista Aprender, Vitória da Conquista, n. 20, p. 75-82, jul./dez. 2018. Disponível em: https://bit.ly/3jOkiuE. Acesso em: 28 de jul. 2020.

CESARO, Humberto Luís Cesaro. Em defesa da honra: masculinidades e práticas corporais de hipertrofia numa academia de Porto Alegre. In: XVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 18., V CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 5., 2013, Brasília. Anais... Brasília, CBCE, 2013. Disponível em: https://bit.ly/33djSIc. Acesso em: 31 de jul. 2020.

CHAVE, Paula Nunes. Estigmas do corpo, gênero e sexualidade no esporte: voleibol enquanto espaço da mulher e da “bicha”. In: XIX CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 19., VI CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 6., 2015, Vitória. Anais... Vitória, CBCE, 2015. Disponível em: https://bit.ly/3giMGCV. Acesso em: 31 de jul. 2020.

CONNELL, Raewyn. Gênero em termos reais. São Paulo: nVersos, 2016.

CONNELL, Raewyn. Masculinidades. México: UNAM-PUEG, 2003.

CARRAZZONI, Daniel Krás; WENETZ, Ileana. Os discursos corporais produzidos pelos desenhos animados “Popeye” e “Liga da Justiça”. In: XIV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 14., I CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 1., 2005, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre, CBCE, 2005. Disponível em: https://bit.ly/2BMQ0XX. Acesso em: 31 de jul. 2020.

DORNELLES, Priscila Gomes. A separação de meninos e meninas na educação física escolar: marcas de gênero. In: XVI CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 16., III CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 3., 2009, Salvador. Anais... Salvador, CBCE, 2009. Disponível em: https://bit.ly/2Xt4lAx. Acesso em: 31 de jul. 2020.

DUNNING, Eric. O esporte como um domínio masculino: observações sobre as fontes sociais da identidade masculina e suas transformações. In: REIS, Heloisa Helena Baldy dos (Org.). Sociologia do esporte e os processos civilizatórios. São Paulo: Anablume, 2014, p. 233-254.

GARCIA, Rafael Marques; PEREIRA, Erik Giuseppe Barbosa. Noções de masculinidade(s) no ensino superior de Educação Física. In: XXI CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 21., VIII CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 8., 2019, Natal. Anais... Natal, CBCE, 2019. Disponível em: https://bit.ly/3fkijut. Acesso em: 31 de jul. 2020.

GODOI, Marcos Roberto. Corpo, cultura e masculinidade: os discursos sobre um “novo” tipo de homem na mídia impressa, o “metrossexual”. In: XVI CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 16., III CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 3., 2009, Salvador. Anais... Salvador, CBCE, 2009. Disponível em: https://bit.ly/3gllVO0. Acesso em: 31 de jul. 2020.

GOELLNER, Silvana Vilodre. A contribuição dos estudos de gênero e feministas para o campo acadêmico-profissional da Educação Física. In: DORNELLES, Priscila Gomes; WENETZ, Ileana; SCHWENGEBER, Maria Simone Vione (Orgs.). Educação Física e Gênero: desafios educacionais. Ijuí: Unijuí, 2013, p. 23-44.

GOETTEMS, Lisiane; SCHWENGBER, Maria Simone Vione. Feminilidades e masculinidades: os entrelugares na e da escola. In: XVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 18., V CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 5., 2013, Brasília. Anais... Brasília, CBCE, 2013. Disponível em: https://bit.ly/3jZnnYU. Acesso em: 31 de jul. 2020.

GOMES, Daniel Pinto. Por onde andam as meninas? Educação Física, esportes e dominação masculina nos jogos do IFCE. In: XXI CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 21., VIII CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 8., 2019, Natal. Anais... Natal, CBCE, 2019. Disponível em: https://bit.ly/3k0XxDC. Acesso em: 31 de jul. 2020.

JARDIM, Juliana Gomes. Cis-heteronormatividade, MMA, Educação Física e sociedade. Movimentalidade, Bauru, abr. 2020. Disponível em: https://bit.ly/37w1yKq. Acesso em: 6 de ago. 2020.

KIMMEL, Michael S. A produção simultânea de masculinidades hegemônicas e subalternas. Horizontes Antropológicos, Porto Alegre, v. 4, n. 9, p. 103-117, out. 1998. Disponível em: https://bit.ly/2DsN3fw. Acesso em: 31 de jul. 2020.

KNIJNIK, Jorge Dorfman; SILVA, Eduardo Vinicius Mota; SOUZA, Janísio Xavier de; NETO, Antenor Magno da Silva; BERTO, Judá Eckert; FERREIRA JÚNIOR, Neilton; DELFINO, Paulo César Falcão; SILVA, Adriano Cruz da; SANTOS, Cristina Vieira dos. De menino a homem: a mídia e a construção de masculinidades esportivas. In: XV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 15., II CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 2., 2007, Pernambuco. Anais... Pernambuco, CBCE, 2007. Disponível em: https://bit.ly/2XfAsDn. Acesso em: 31 de jul. 2020.

LOURO, Guacira. Heteronormatividade e homofobia. In: JUNQUEIRA, Rogério (Org.). Diversidade Sexual na Educação: problematizações sobre a homofobia nas escolas. Brasília : Ministério da Educação, Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade, UNESCO, 2009, p. 85-93.

MARTINS, Mariana Zuaneti. Mulheres torcedoras de futebol: questionando as masculinidades circulantes nas arquibancadas. In: XX CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 20., VII CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 7., 2017, Goiânia. Anais... Goiânia, CBCE, 2017. Disponível em: https://bit.ly/3jVHLtM. Acesso em: 31 de jul. 2020.

MEDRADO, Benedito; LYRA, Jorge. Por uma matriz feminista de gênero para os estudos sobre homens e masculinidades. Revista Estudos Feministas, Florianópolis, v. 16, n. 3, set./dez. 2008. Disponível em: https://bit.ly/3jRP7hN. Acesso em: 28 de jul. 2020.

MILITO, Caio Anawate Kuri; MARTINS, Carlos José. Modelos de identidades masculinas na propaganda de desodorante: novos deslocamentos. In: XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 17., IV CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 4., 2011, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre, CBCE, 2011. Disponível em: https://bit.ly/3gvfHvn. Acesso em: 31 de jul. 2020.

MORAES E SILVA, Marcelo; CESAR, Maria Rita de Assis. As masculinidades produzidas nas aulas de educação física: percepções docentes. Motrivivência, Florianópolis, n.39, p. 101-112, dez. 2012. Disponível em: https://bit.ly/3g7QqXD. Acesso em: 28 de jul. 2020.

MYSKIW, Mauro; PACHECO, Ariane Corrêa; FREITAS, Maitê Venuto de. Jogo pegado, é assim que tem que ser: estudo sobre a seriedade do lazer numa rede de sociabilidade masculina. In: XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 17., IV CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 4., 2011, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre, CBCE, 2011. Disponível em: https://bit.ly/2EETT2b. Acesso em: 31 de jul. 2020.

OLIVEIRA, Victor José Machado; SILVA, Erineusa Maria da. Histórias de vida e o processo de subjetivação das experiências de adolescentes aprendizes com um esporte masculinizado. In: XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 17., IV CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 4., 2011, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre, CBCE, 2011. Disponível em: https://bit.ly/2D70aTU. Acesso em: 31 de jul. 2020.

RAMALHO, Carla Chagas; BRITO, Leandro Teofilo de; VIEIRA, José Jairo. “Os meninos falam que ela é homem” – enunciações normativas de gênero na Educação Física. In: XXI CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 21., VIII CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 8., 2019, Natal. Anais... Natal, CBCE, 2019. Disponível em: https://bit.ly/2CXBlK9. Acesso em: 31 de jul. 2020.

SALES, Ricardo Augusto J. As vivências de lazer dos homossexuais masculinos que vivem com o HIV/AIDS: alguns apontamentos históricos e sociais. In: XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 17., IV CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 4., 2011, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre, CBCE, 2011. Disponível em: https://bit.ly/2DpT2BG. Acesso em: 31 de jul. 2020.

SCOTT, Joan. Gênero: uma categoria útil de análise histórica. Revista Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 20, n. 2, p. 71-99, jul./dez. 1995.Disponível em: https://bit.ly/2PdTLbT. Acesso em: 28 de jul. 2020.

SERRANO, Jéssica Leite; CAMINHA, Iraquitan de Oliveira; GOMES, Isabelle Sena. Homens trans e atividade física: a construção do corpo masculino. Movimento, Porto Alegre, v. 25, p. 25007, 2019. Disponível em: https://bit.ly/3hKMsEM. Acesso em: 28 de jul. 2020.

SILVA, Alan Camargo; FERREIRA, Jaqueline. Homens no “limite” das dores na musculação de uma academia de ginástica de bairro popular: uma etnografia sobre formas plurais de expressão da masculinidade. Movimento, Porto Alegre, v. 22, n. 1, jan./mar. 2016. Disponível em: https://bit.ly/3hF2Q9K. Acesso em: 28 de jul. 2020.

SILVA, Tomaz Tadeu da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias de currículo. 2ª ed. 9ª reimpressão. Belo Horizonte: Autêntica, 2005.

WENETZ, Ileana; DORNELLES, Priscila Gomes. Sexualidade e Educação Física escolar: articulações (im)possíveis? In: XVII CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 17., IV CONGRESSO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 4., 2011, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre, CBCE, 2011. Disponível em: https://bit.ly/3fvsts8. Acesso em: 31 de jul. 2020.

WENETZ, Ileana; MACEDO, Christiane Garcia. Masculinidade (s) no balé: gênero e sexualidade na infância. Movimento, Porto Alegre, v. 25, p. 25081, 2019. Disponível em: https://bit.ly/2X5HMS7. Acesso em: 28 de jul. 2020.

WILLIAMS, James. Pós-estruturalismo. 2ª ed. Petrópolis: Editora Vozes, 2013.

Downloads

Publicado

2020-11-16 — Atualizado em 2020-11-19

Versões

Edição

Seção

Porta Aberta