Docência inovadora na universidade: percursos e princípios organizadores

Autores

  • Gionara Tauchen Universidade Federal do Rio Grande - FURG
  • Daniele Simões Borges Universidade Federal do Rio Grande - FURG

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-795X.2013v31n2p721

Palavras-chave:

Educação para Inovação, Docência, Complexidade

Resumo

O presente artigo discute as experiências, as possibilidades e os princípios de inovação no ensino universitário. Para tanto, investiga-se a compreensão a respeito das inovações e das práticas de ensino de seis professores atuantes nos cursos de licenciatura da área de Ciências da Natureza (Ciências Biológicas e Física) e de Pedagogia de uma universidade do sul do estado do Rio Grande do Sul, por meio da metodologia de investigação narrativa. Tal estratégia foi escolhida porque objetiva, em suas bases, o entendimento da ação docente. A partir das análises, o estudo aponta que a possibilidade de um ensino inovador inicia pelas inovações no ensino. As narrativas revelam um esforço para a mudança do ensino universitário, manifestando emergências que subsidiaram a criação de quatro princípios de um ensino inovador: a interação e religação, o planejamento, a ação estratégica e a auto-hetero-avaliação.

Biografia do Autor

Gionara Tauchen, Universidade Federal do Rio Grande - FURG

Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGEdu), professora Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde (PPGEC), mesbro do Núcleo de Estudos em Epistemologia e Educação em Ciências (NUEPEC) da Universidade Federal do Rio Grande – FURG.

Daniele Simões Borges, Universidade Federal do Rio Grande - FURG

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde (PPGEC) da Universidade Federal do Rio Grande - FURG. Bolsista CAPES. Integra o Núcleo de Estudos em Epistemologia e Educação em Ciências.

Downloads

Publicado

2013-06-13