As regiões metropolitanas no contexto da sustentabilidade regional

Autores

  • Miguel Etinger de Araújo Júnior Universidade Estadual de Londrina

DOI:

https://doi.org/10.5007/2177-7055.2008v29n57p213

Palavras-chave:

Regiões Metropolitanas, Sustentabilidade, Gestão Pública, Interesses Regionais, Qualidade de Vida

Resumo

http://dx.doi.org/10.5007/2177-7055.2008v29n57p213

A formação de grandes metrópoles tem gerado interesses que deixam de ser locais, alcançando caráter regional. Como forma de gestão desses interesses existem no Brasil as denominadas Regiões Metropolitanas, com previsão constitucional para integrar a organização, o planejamento e a execução de funções públicas de interesse comum, constituindo-se num importante mecanismo de gestão do espaço metropolitano, buscando conciliar os interesses diversos que se apresentam por vezes conflitantes neste espaço, área geográfica cuja população é eminentemente urbana e não acompanha os limites geopolíticos presentes. Esta gestão é fundamental para o alcance da sustentabilidade, gerando um desenvolvimento em que seja possível proporcionar uma qualidade de vida digna para as presentes e futuras gerações.

Biografia do Autor

Miguel Etinger de Araújo Júnior, Universidade Estadual de Londrina

Doutorando em Direito da Cidade na UERJ - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Mestre em Direito pela UNESA - Universidade Estácio de Sá - RJ (2006), graduado em Direito pela UERJ (1994). Bolsista da FAPERJ - Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro e da CAPES - PDEE Programa de Doutorado no País com Estágio no Exterior (Universidad Carlos III de Madrid). Professor assistente da UEL - Universidade Estadual de Londrina nos cursos de Graduação e Pós-Graduação em Direito, lecionando as disciplinas de Direito Administrativo e Direito Ambiental e Urbanístico. Foi Coordenador do Colegiado do Curso de Direito da UEL no período 2005/2007. Consultor jurídico em Planejamento Urbano e Ambiental e em assuntos relacionados à Administração Pública. Experiência na área de Direito, atuando principalmente em direito urbanístico, municipal, administração pública, meio ambiente e planejamento urbano.

Downloads

Publicado

2010-09-14

Edição

Seção

Artigos