Os estrangeirismos e o vocabulário fundamental nos dicionários bilíngües.

Autores

  • Maria Cristina Parreira da Silva Unesp - São José do Rio Preto

DOI:

https://doi.org/10.5007/%25x

Palavras-chave:

dicionário bilíngüe, vocabulário fundamental, neologismo, estrangeirismo.

Resumo

O neologismo é um vocábulo novo introduzido numa língua, geralmente incorporado por uma comunidade lingüística quando apresenta alta freqüência. Mais importante que as discussões estéreis sobre sua proibição por lei deveria ser a consciência de que a língua sempre evolui. Portanto, faz-se necessário estudar como incluí-los na nomenclatura de um dicionário, principalmente os estrangeirismos, por conta de sua grafia. Neste trabalho, foram analisados quarenta estrangeirismos usuais na língua francesa, verificada sua presença em listas de vocabulário básico e na nomenclatura de quatro dicionários bilíngües francês-português.

Biografia do Autor

Maria Cristina Parreira da Silva, Unesp - São José do Rio Preto

possui graduação em Licenciatura em Letras UNESP-IBILCE pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1992), mestrado em Linguística e Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1998) e doutorado em Linguística e Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2002). Atualmente é professora assistente doutora em Regime de Turno Completo da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho em São José do Rio Preto. Tem experiência na área de Lingüística, com ênfase em Teoria e Análise Lingüística, atuando principalmente nos seguintes temas: Lexicologia e Lexicografia, dicionários bilíngües, lexicografia bilíngüe pedagógica, ensino de línguas estrangeiras, língua francesa, vocabulário fundamental (verbos e substantivos).

Mais informações: Currículo Lattes - CNPq.

Downloads

Publicado

2006-04-30

Edição

Seção

Artigos