Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está em formato Doc, Docx, Open Office ou RTF.
  • URLs para as referências foram informadas quando possível.
  • O texto está na formatação indicada no respectivo template.
  • O template com as notas do/a autor/a está devidamente preenchido com os dados de todos os/as autores/as
  • Assegurando a avaliação pelos pares cega certificar de que seus manuscritos não expõem suas identidades aos avaliadores, de forma direta ou indireta.
  • E-mails atuais de todos os autores, juntamente com suas afiliações, número ORCID e endereço postal completo foram incluídos nos Metadados da submissão.
  • Declaro ser autor (a), ou licenciado(a), ou cessionário (a) ou possuo autorização prévia e expressa dos autor(a) expressa, seja por instrumento oneroso ou gratuito, com finalidade de utilização e reprodução das imagens constantes em minha obra que será publicada na  Revista  Zero-a-Seis, ISSN 1980-4512, no âmbito do Portal de Periódicos da UFSC.

Diretrizes para Autores

Aspectos e orientações Gerais

 

A Zero-a-Seis – Revista do Núcleo de Estudos e Pesquisa da Educação na Pequena Infância - aceita artigos inéditos; artigos traduzidos relacionados à área; resenhas de livros e entrevistas com pesquisadora/es e professora/es da área da educação infantil e de áreas que buscam contribuir com o diálogo disciplinar a fim de compreender mais amplamente a infância e as relações educativas. A publicação dos textos está condicionada a pareceres de membros do Conselho Editorial Científico ou de colaboradores ad hoc. Os nomes dos/as pareceristas permanecerão em sigilo, omitindo-se, também perante estes, os nomes dos/as autores/as, ou seja, a avaliação é “duplo-cega”, na qual nem o nome do/a autor/a é revelado ao/a parecerista, nem o nome do/a parecerista é revelado ao/a autor/a. Para assegurar a integridade da avaliação por pares a cega, deve-se tomar todos os cuidados possíveis para não revelar a identidade de autores/as e pareceristas durante o processo de avaliação. A fim de alcançar esse objetivo, autores/as devem certificar-se de que seus manuscritos não expõem suas identidades aos avaliadores, de forma direta ou indireta.

  • A Zero-a-Seis publica textos em português, inglês, espanhol, italiano e francês. Aqueles que possuírem como língua vernácula o português, francês, italiano e espanhol, devem apresentar abstract. No caso de o texto original ser em inglês ou em outra língua,resumo deverá ser em português.
  • A Zero-a-Seis aceita Artigos com no máximo 3 autores, devendo, ao menos um deles possuir o título de doutor (casos excepcionais devem ser negociados com a Equipe Editorial da Revista que pode analisar a pertinência da publicação) 
  • Zero-a-Seis não cobra taxas para submissão e publicação de artigos.

Citações e referências

Devem ser feitas com base nas normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT. As citações devem ser feitas utilizando o sistema autor-data com base na NBR 10520/2002 e as referências devem utilizar a NBR 6023/2018.

Formatação e modelo de estrutura da submissão

  • Os/As autores/as devem submeter Artigos; Artigos Dossiê; Resenha; Entrevista; Cotidiano ou Relatos na formatação indicada no respectivo template.
  • As seções Artigos e Artigos Dossiê devem ter mínimo 15 páginas e um máximo de 25 páginas.
  • Os arquivos devem ter o formato Doc, Docx, Open Office ou RTF.
  • Certifique-se que o documento não tenha nenhum comentário ou dado que possa identificar aos autores no manuscrito.

Modelos de Templates

 

Os modelos detalham os estilos das seções obrigatórias e opcionais e os subtítulos que a submissão deve incluir, assim como aborda as orientações básicas sobre a formatação de referências e a preparação de figuras e tabelas. Clique no Modelo que pretende submeter na Zero-a-Seis para fazer o download do respectivo template:

Modelo para Artigos

Modelo para Outras Linguagens

Modelo para Dossiê

Modelo para Resenha

Modelo para Entrevista

Modelo para Cotidiano

Modelo para Relatos

 

Notas de Autor/a

Os/As autores/as que submeterem Artigos; Artigos Dossiê; Resenha; Entrevista; Cotidiano ou Relatos para a Zero-a-Seis devem inserir como documento suplementar o arquivo Notas de Autor/a, disponível para download abaixoTodos os autores deverão preencher as informações conforme os campos especificados. Esse conteúdo será inserido ao final da submissão, com exceção dos dados autorais que irão na primeira página, caso o artigo seja aprovado.

Modelo para Notas de Autor

 Metadados no sistema de submissão

  • Os/as autores/as devem preencher os metadados no sistema da revista zelando pela completude dos dados de todos os autores, incluindo o ORCID.

Dossiê

Em situações especiais, docentes pesquisadores (de renomada experiência dentro de uma temática específica na área da infância e educação infantil), são convidados a organizar um dossiê para compor um número do periódico Zero-a-Seis. Os artigos do dossiê sempre estão de acordo com o foco e escopo da revista e se somam aos demais itens publicados na edição regular (artigos, resenhas, entrevistas). Os organizadores do dossiê podem ser docentes da mesma Universidade que edita o periódico, ou de outras instituições de prestígio nacional ou internacional, ou ainda pesquisadores de diferentes instituições podem atuar juntos na tarefa de organização e avaliação dos artigos.  Os organizadores serão os primeiros a avaliar os manuscritos submetidos para compor o Dossiê. Ressaltamos que os dossiês de diferentes temas na área da infância e educação infantil visam fomentar valiosas discussões de nível nacional e internacional e reforçar o caráter do diálogo disciplinar que a área tem buscado.

Infância(s) Gênero e Sexualidades

Dossiê temático sobre o tema Infância(s) Gênero e Sexualidades, que
está sendo organizado por Andrea Moruzzi e Márcia Buss Simão, para a revista
nacional chamada Zero-a-Seis.

Entrevista

Na Seção Entrevistas serão publicadas entrevistas com pesquisadores e professores da área da educação infantil e de áreas que buscam contribuir com o diálogo disciplinar a fim de compreender mais amplamente a infância e as relações educativas.

Dossiê: A arte da pergunta: as crianças como propositoras de sentidos estéticos

A proposta do dossiê Nuvic tem como objetivo reunir pesquisas que permitam interlocuções teórico-conceituais a respeito das infâncias que permeiam as relações docentes no campo da estética e do trabalho pedagógico artístico e suas proposições no mundo da sensibilidade. Nessa perspectiva, serão aceitos escritos que abordem pesquisas que envolvam ações pedagógicas que tematizem a infância (0 a 12 anos como define o ECA de 1999) na Educação Infantil e nos anos iniciais do Ensino Fundamental, as quais possuam como escopo o exercício estético da curiosidade e sua relação com as múltiplas práticas artísticas.

Dossiê: Bebês e Crianças com Deficiência na Educação Infantil

O dossiê tem por objetivo mapear, atualizar e ampliar o campo dos estudos sobre os bebês e as crianças com deficiência na Educação Infantil, à luz de referenciais teóricos ancorados nos princípios éticos, políticos e estéticos que fundamentam a primeira etapa da educação básica. Tem, ainda, o propósito de romper com as ideias de experiência única de infância, fortalecendo as perspectivas inclusivas de atendimento às crianças, desde bebês, em creches e pré-escolas como espaços institucionais coletivos, não domésticos, que cuidam e educam, contrário às concepções de inclusão fundamentadas por perspectivas conservadoras, segregadoras e privatistas de educação. Com a organização do dossiê objetivamos reunir artigos que, para além de discutir a condição de deficiência na Educação Infantil, dialoguem com marcadores sociais de gênero, raça, etnia, classe social, geração, sexualidade, credo e território, no intuito de potencializar tempos, espaços, materiais, interações, brincadeiras e relações inclusivas em creches e pré-escolas.

Artigos Demanda Contínua

Na Seção Artigos, que recebe submissões de Fluxo Contínuo, os critérios adotados para a seleção dos artigos são: ineditismo, originalidade, clareza, relevância para a área. Serão bem-vindos artigos que apresentem uma análise crítica sobre assuntos referentes à área da educação infantil e de áreas que buscam contribuir com o diálogo disciplinar a fim de compreender mais amplamente a infância e as relações educativas.

Nessa Seção serão aceitas também traduções de artigos que abordem assuntos de fundamental importância para a área e que contribuam com o diálogo disciplinar a fim de compreender mais amplamente a infância e as relações educativas.

Resenha

A Seção Resenhas publicará textos inéditos com comentários críticos sobre obras relevantes na área da educação infantil. As resenhas devem conter uma síntese o livro e uma apreciação crítica da obra. Também são bem-vindas resenhas sobre adaptações fílmicas e outras relacionadas à infância.

Relatos

Na Seção Relatos são aceitos relatos de experiências de estágios supervisionados realizados pelo/as alunos/as de cursos de Graduação ou outras experiências que descrevam esse processo de relações com as crianças e façam reflexões sobre as crianças, sobre seus modos de viver a infância e sua educação.

Cotidiano

Para a Seção Cotidiano são aceitos textos que versam sobre experiências educativas realizadas por professores/as das redes municipais a fim de divulgarem suas experiências cotidianas em contextos coletivos de educação infantil com as crianças ou também experiências de formação continuada.

Outras Linguagens

Na Seção Outras Linguagens são publicadas submissões que apresentam análises de livros de literatura infantil, livros/brinquedos, documentários, filmes, obras de arte, mídias e tecnologias eletrônicas, músicas e etc, que tematizem a infância por meio de linguagens diversas.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.