Os muitos jeitos de ser e de fazer das crianças: criação ou transgressão?

Elaine de Paula

Resumo


Neste texto, pretendemos nos orientar, pela proposta de construção de uma Pedagogia da Infância, que tenta demarcar as particularidades do trabalho com as crianças,
considerando-as como atores sociais e, portanto, sujeitos de direitos.

Palavras-chave


Educação Infantil; Sociologia da Infância; Sujeito de Direitos

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Zero-a-Seis, ISSN 1980-4512 Florianópolis, Brasil.