O despertar para uma cultura de participação no trabalho com um tema gerador

Autores

  • Fernanda Gall Centa Universidade Federal de Santa Maria
  • Cristiane Muenchen Universidade Federal de Santa Maria

DOI:

https://doi.org/10.5007/1982-5153.2016v9n1p263

Palavras-chave:

Reorientação curricular, Abordagem temática freireana, Enfoque CTS/PLACTS, Três momentos pedagógicos, Tema gerador

Resumo

O presente artigo discute como se chegou ao tema gerador a partir de uma reorientação curricular na perspectiva da Abordagem Temática. Utilizando a dinâmica dos Três Momentos Pedagógicos, como estruturantes de currículos, tem como foco o seguinte problema de pesquisa: Quais as possibilidades e os desafios encontrados por educadores de Ciências (Biologia, Física e Química), de uma escola pública de Santa Maria, ao utilizarem a Abordagem Temática em suas aulas, especialmente na estruturação e na implementação do tema gerador “Arroio Cadena: Cartão Postal de Santa Maria?”. Assim, os objetivos da pesquisa são: discutir como se chegou ao tema gerador desenvolvido, a partir do Estudo da Realidade, bem como refletir sobre uma das possibilidades encontradas no trabalho com o tema gerador através da categoria: Tema emergente da realidade: o despertar para uma cultura de participação. O tema gerador, por tratar de contradições vivenciadas pelos próprios sujeitos, potencializou a superação da cultura do silêncio.

Biografia do Autor

Fernanda Gall Centa, Universidade Federal de Santa Maria

Possui graduação em Física Bacharelado com Ênfase em Física Médica pelo Centro Universitário Franciscano (2008). Mestre em Ensino de Física pelo Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática e Ensino de Física, da Universidade Federal de Santa Maria - UFSM (2015). Atuou como bolsista do Projeto Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID/CAPES, Ciências Naturais. Atualmente é estudante do curso de Física Licenciatura Plena, integrante do Grupo de Estudos e Pesquisas Educação em Ciências em Diálogo (GEPECiD) desde o ano de 2013 e Professora Temporária do Instituto Federal do Rio Grande do Sul.

Cristiane Muenchen, Universidade Federal de Santa Maria

Possui graduação em Física Licenciatura Plena pela Universidade Federal de Santa Maria, mestrado em Educação pela mesma instituição e doutorado em Educação Científica e Tecnológica pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atualmente é professora Adjunta da área de Ensino de Física e dos Programas de Pós-Graduação: Educação em Ciências - Química da Vida e Saúde (PPGECQVS) e Educação Matemática e Ensino de Física (PPGEM&EF) da Universidade Federal de Santa Maria. Coordena o Grupo de Estudos e Pesquisas Educação em Ciências em Diálogo (GEPECiD). É editora da seção Ensino da Revista Ciência e Natura, editada e publicada pelo Centro de Ciências Naturais e Exatas da Universidade Federal de Santa Maria. Tem experiência na área de Ensino de Ciências/Física, com ênfase em inovações curriculares, atuando principalmente nos seguintes temas: Abordagem Temática, Três Momentos Pedagógicos como Estruturantes de Currículos, Configurações Curriculares mediante o enfoque CTS e Práticas Freireanas no Ensino de Ciências.

Downloads

Publicado

2016-05-25

Edição

Seção

Artigos