A história da ciência (distorcida ou ausente) em livros didáticos: o conteúdo sobre o “experimento de Torricelli” como estudo de caso

Juliana M. Hidalgo, Jardes Martins Alves, Fábio de Abreu Souza, Daniel de Medeiros Queiroz

Resumo


Esse trabalho apresenta uma pesquisa direcionada à avaliação crítica da História da Ciência presente em livros didáticos brasileiros. Particularmente, o objetivo dessa pesquisa foi contribuir para a compreensão de como os elementos relacionados ao processo de construção histórica do conceito de pressão atmosférica aparecem nos livros didáticos. São discutidos especificamente os resultados da análise realizada de acordo com os seguintes critérios: fundamentos historiográficos atuais; apontamentos da legislação educacional para a inserção didática da História da Ciência, fontes primárias e secundárias da História da Ciência relacionadas ao desenvolvimento do conceito de pressão atmosférica.  Dentre os problemas notados destacam-se o anacronismo, a pseudohistória, visões simplistas sobre a ciência, a ausência de explicações sustentadas por pensadores do passado e uma abordagem (totalmente) descontextualizada do experimento de Torricelli.

Palavras-chave


LLivros didáticos; História da ciência; Experimento de Torricelli; Pressão atmosférica

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1982-5153.2018v11n1p101

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Alexandria: R. Educ. Ci. Tec., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1982-5153

Licença Creative Commons

Está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.