Mapeamento da pesquisa no campo da experimentação no ensino de química no Brasil

Renata Faria de Souza, Patrícia Fernanda de Oliveira Cabral, Salete Linhares Queiroz

Resumo


Este trabalho analisa a produção acadêmica expressa em dissertações e teses sobre a experimentação no ensino de química, defendidas em Programas de Pós-Graduação vinculados às áreas de Ensino, Educação e Química da CAPES, no período de 2004 a 2013. Foram investigadas 122 dissertações e 21 teses com base nos seguintes descritores: ano de defesa; grau de titulação acadêmica; região geográfica; instituição de origem; nível de escolaridade e foco temático. Os resultados evidenciam o significativo crescimento no número de pesquisas sobre o tema em questão. Os níveis de escolaridade mais investigados foram o ensino médio (68,5%) e superior (27,3%), ao passo que os focos temáticos privilegiados foram experimentação como estratégia didática (58,3%) e experimentação em materiais didáticos (20,2%). A experimentação vinculada à formação inicial e continuada de professores foi abordada de forma incipiente, 7,1% e 13,1% da produção, respectivamente, indicando que essa é uma importante lacuna a ser preenchida por estudos futuros.


Palavras-chave


Experimentação; Química; Estado da arte

Texto completo:

PDF/A

Referências


BÔSSO, A. R. S. A. Desenvolvimento do software PlanEx de planejamento de experimentos online e sua aplicação didática na pós-graduação. Tese de doutorado em Química – Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2012.

CAMPOS, M. A. T.; GUÉRIOS, E. Mestrado profissional em educação: reflexões acerca de uma experiência de formação à luz da autonomia e da profissionalidade docente. Educar em Revista, n. 63, p. 35-51, 2017.

CAPES. COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR. Portaria Conjunta nº 02 de 13 de setembro de 2011. Chamada Pública MCTI/CNPq/MEC/Capes – Ação Transversal n°06/2011 – Casadinho/Procad, 2011. Disponível em: . Último acesso em: 26 mar. 2016.

CÉSAR, J. Material instrucional para química geral experimental: uma contribuição à universidade aberta do Brasil. Dissertação de mestrado em Química – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2008.

CIRIANI, C. B. S.; CAMPANARIO, M. A.; SILVA, H. H. M. A evolução do ensino da pós-graduação senso estrito no Brasil: análise exploratória e proposições para pesquisa. Avaliação, v. 20, n. 1, p. 163-187, 2015.

DAVID, M. A. Processos de evolução conceitual em química no contexto das atividades experimentais. Tese de doutorado em Educação – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2009.

FERREIRA, N. S. A. As pesquisas denominadas “Estado da Arte”. Educação & Sociedade, v. 23, n. 79, p. 257-272, 2002.

FERREIRA, H. H. J.; AMARAL, C. L. C. Pesquisa em ensino de química experimental: mapeamento das teses e dissertações apresentadas no Brasil de 2002 a 2011. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, v. 8, n. 1, p. 20-35, 2015.

FIALHO, N. H.; HETKOWSKI, T. M. Mestrados profissionais em educação: novas perspectivas da pós-graduação no cenário brasileiro. Educar em Revista, n. 63, p. 19-34, 2017.

FRANCISCO, C. A. Análise de dissertações e teses sobre o ensino de química nos programas de pós-graduação em ensino de ciências e matemática – Área 46/Capes (2000-2008). Tese de doutorado em Química - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2011.

FRANCISCO, C. A.; ALEXANDRINO, D. M.; QUEIROZ, S. L. Análise de dissertações e teses sobre o ensino de química no Brasil: produção científica de programas de pós-graduação em destaque. Investigações em Ensino de Ciências, v. 20, n. 3, p. 21-60, 2015.

FRANCISCO JÚNIOR, W. E. Estratégias de leitura na educação química e na formação docente: necessidades e contribuições de um planejamento crítico. Tese de doutorado em Química – Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Araraquara, 2011.

GIBIN, G. B. Atividades experimentais investigativas como contribuição ao desenvolvimento de modelos mentais de conceitos químicos. Tese de doutorado em Ciências – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2013.

GONÇALVES, F. P. A problematização das atividades experimentais no desenvolvimento profissional e na docência dos formadores de professores de química. Dissertação de mestrado em Educação Científica e Tecnológica – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2009.

GONÇALVES, F. P. O texto de experimentação na educação em química: discursos pedagógicos e epistemológicos. Dissertação de mestrado em Educação Científica e Tecnológica – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2005.

GONÇALVES, F. P.; MARQUES. C. A. Contribuições pedagógicas e epistemológicas em textos de experimentação no ensino de química. Investigações em Ensino de Ciências, v. 11, n. 2, p. 219-238, 2006.

GONÇALVES, F. P.; MARQUES. C. A. A problematização das atividades experimentais na educação superior em química: uma pesquisa com produções textuais docentes. Química Nova, v. 34, n. 5, p. 899-904, 2011.

GONÇALVES, F. P.; MARQUES. C. A. A problematização das atividades experimentais na educação superior em química: uma pesquisa com produções textuais docentes – parte II. Química Nova, v. 35, n. 4, 837-843, 2012a.

GONÇALVES, F. P.; MARQUES. C. A. A circulação inter e intracoletiva de pesquisa e publicações acerca da experimentação no ensino de química. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v. 12, n. 1, p. 181-204, 2012b.

KIOURANIS, N. M. M. Experimentos mentais no ensino de ciências: implementação de uma sequência didática. Tese de doutorado em Ensino de Ciências – Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Bauru, 2009.

MALDANER, O. A. A formação inicial e continuada de professores de química: professor/pesquisador. 4. ed. Ijuí: Unijuí, 2013.

MEGID NETO, J. Tendências da pesquisa acadêmica sobre o ensino de ciências no nível fundamental. Tese de doutorado em Educação - Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1999.

MELO, M. R. Elaboração e análise de uma metodologia de ensino voltada para as questões sócio-ambientais na formação de professores de química. Tese de doutorado em Educação – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010.

MILARÉ, T. A pesquisa em ensino de química na universidade de São Paulo: estudo das dissertações e teses (2006 a 2009) sob a perspectiva fleckiana. Tese de doutorado em Ensino de Ciências – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013.

MILARÉ, T.; REZENDE, D. B. A pesquisa em ensino de química nos diferentes programas de pós-graduação da Universidade de São Paulo. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENSINO DE QUÍMICA, 15., 2010, Brasília. Anais... Brasília, 2010. Ref. 622-1.

MOREIRA, M. A. A área de ensino de ciências e matemática na CAPES: em busca de qualidade e identidade. In: NARDI, R. (Org.). A pesquisa em ensino de ciências no Brasil: alguns recortes. São Paulo: Escrituras, 2007, p. 19-49.

MORI, R. C.; CURVELO, A. A. S. Química no ensino de ciências para as séries iniciais: uma análise de livros didáticos. Ciências & Educação, v. 20, n. 1, p. 243-258, 2014.

NEVES, M. L. R. C. O interesse de estudantes do ensino fundamental de uma escola pública por atividades de ensino de ciências: um estudo transversal e longitudinal. Tese de doutorado em Educação – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2010.

OLIVEIRA, N. Atividades de experimentação investigativas lúdicas no ensino de química: um estudo de caso. Tese de doutorado em Química – Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2009.

ORNELLAS, J. F. Interação verbal e atividade prática experimental investigativa: dimensões para repensar a formação inicial de professores de química. Dissertação de mestrado em Educação - Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Presidente Prudente, 2012.

PHILIPPSEN, E. A. Química, ambiente e atmosfera: estratégias para formação docente em química. Dissertação de mestrado em Ensino de Ciências - Universidade de Brasília, Brasília, 2012.

POPPOLINO, G. G. Utilizando a abordagem histórica com experimentação para trabalhar conceitos de química no ensino médio. Dissertação de mestrado em Ensino de Ciências e Matemática - Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, Rio de Janeiro, 2013.

RUSSO, A. A. Proposta curricular do estado de Minas Gerais: uma análise pela ótica de professores e alunos do ensino médio. Dissertação de mestrado profissional em Química – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2013.

SANTOS, E. D. A experimentação no ensino de ciências de 5ª a 8ª séries do ensino fundamental: tendências da pesquisa acadêmica entre 1972 e 1995. Dissertação de mestrado em Educação – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2001.

SANTOS, W. G. Química no ensino médio: o papel das experimentações na promoção da aprendizagem significativa química no ensino médio: o papel das experimentações na promoção da aprendizagem significativa. Dissertação de mestrado em Ensino das Ciências - Universidade do Grande Rio, Rio de Janeiro, 2012.

SCHNETZLER, R. P. A pesquisa em ensino de química no Brasil: conquistas e perspectivas. Química Nova, v. 25, n. 1, p. 14 - 24, 2002.

SILVA. A. C. T. Estratégias enunciativas em salas de aula de química: contrastando professores de estilos diferentes. Tese de doutorado em Educação - Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2008.

SILVA, E. E. O ambiente como contexto para o ensino das transformações químicas. Dissertação de mestrado profissional em Química – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2011.

SILVA, P. D. S. O projeto temático na sala de aula: mudanças nas interações discursivas. Tese de doutorado em Educação – Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2009.

SILVA, M. Um estudo de aspectos do sistema solo planta a partir de uma abordagem investigativa no ensino de química. Dissertação de mestrado profissional em Química – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2012.

SILVA JÚNIOR, C. N. A energia e suas implicações no ensino-aprendizagem da química. Tese de doutorado em Química – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.

SILVA, R. T.; CURSINO, A. C. T.; AIRES, J. A.; GUIMARÃES, O. M. Contextualização e experimentação uma análise dos artigos publicados na seção “experimentação no ensino de química” da revista Química Nova na Escola 2000-2008. Ensaio: Pesquisa em Educação em Ciências, v. 11, n. 2, p. 277-298, 2009.

SILVA, R. R. GAUCHE, R.; BAPTISTA, J. A.; SANTOS, W. L. P.; MÓL, G. S.; MACHA-DO, P. F. L. Laboratório de pesquisas em ensino de química da Universidade de Brasília – LPEQ/UnB: concepções, relatos e reflexões. Revista Virtual de Química, v. 3, n. 1, p. 14-26, 2011.

SILVA, J. F. J.; CURI, E.; SCHIMIGUEL, J. Um cenário sobre a pesquisa em educação estatística no boletim de educação matemática – Bolema, de 2006 até 2015. Bolema, v. 31, n. 58, p. 679-698, 2017.

SILVA, O. B.; QUEIROZ, S. L. Mapeamento da pesquisa no campo da formação de professores de química no Brasil. Investigações em Ensino de Ciências, v. 21, n. 1, p. 62-93, 2016.

SILVA, O. B.; QUEIROZ, S. L. Produção acadêmica sobre a formação de professores de química no Brasil: focos temáticos das dissertações e teses defendidas no período de 2001 a 2010. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 10, n. 1, p. 271-304, 2017.

SITHOLE, G. Z. S. Resgate dos materiais e das culturas locais para o ensino na química. Tese de doutorado em Educação - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2004.

SOUZA, D. D. D. Multimodalidade na construção do conhecimento em sala de aula de química: caracterizando a evolução na aprendizagem. Tese de doutorado em Educação – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013.

SOUZA, K. A. F. D. Estratégias de comunicação em química como índices epistemológicos: análise semiótica das ilustrações presentes em livros didáticos ao longo do século XX. Tese de doutorado em Química – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012.

SOUZA, A. C.; BROIETTI, F. C. D. Atividades experimentais: uma análise de artigos da Revista Química Nova na Escola. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS, 11., 2017, Florianópolis. Anais... Florianópolis, 2017.

SUART, R. C. Habilidades cognitivas manifestadas por alunos do ensino médio de química em atividades experimentais investigativas. Dissertação de mestrado em Ensino de Ciências - Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

TERCI, D. B. L. Aplicações analíticas e didáticas de antocianinas extraídas de frutas. Tese de doutorado em Química Analítica – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2004.

TEIXEIRA, P. M. M. Pesquisa em ensino de biologia no Brasil: um estudo baseado em dissertações e teses. Tese de doutorado em Educação - Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2008.

TEIXEIRA, P. P. M.; MEGID NETO, J. Investigando a pesquisa educacional. Um estudo enfocando dissertações e teses sobre ensino de biologia no Brasil. Investigações em Ensino de Ciências, v. 11, n. 2, p. 261-282, 2006.

ZANDONAI, D. P. A inserção da química verde no curso de licenciatura em química do DQ-UFSCar: um estudo de caso. Dissertação de mestrado profissional em Química – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2013.

WALVY, O. W. C. Construindo saber docente interdisciplinar: a termogravimetria em um laboratório didático. Tese de doutorado em Educação – Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2008.




DOI: https://doi.org/10.5007/1982-5153.2019v12n2p93

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Alexandria: R. Educ. Ci. Tec., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1982-5153

Licença Creative Commons

Está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.