30 Anos de Modelagem Matemática na Educação Brasileira: das propostas primeiras às propostas atuais

Maria Salett Biembengut

Resumo


Neste artigo apresentamos parte do mapeamento de ações pedagógicas com modelagem matemática na educação brasileira. O mapeamento permitiu-nos descrever, organizar documentos e informações para efetuar análise dos dados: da história das atividades de modelagem dos precursores, das produções acadêmicas e dos cursos de licenciatura de matemática que possuem em suas grades curriculares a disciplina de modelagem e, na
seqüência, reconhecer evidências comuns e relevantes. Foram identificados 288 trabalhos acadêmicos (teses, dissertações, monografias), 836 artigos e 112 cursos de licenciatura que têm a disciplina de modelagem ou que abordam o tema. O mapeamento ofereceu um mapa da modelagem na educação, uma vez que esse movimento, iniciado há três décadas, inaugurou novo caminho de promover conhecimentos, novas formas de transmitir
experiências e novas concepções matemáticas, multiplicando-se proficuamente. Os trinta anos testemunham quão significativa a modelagem matemática tornou-se na Educação brasileira.


Palavras-chave


Modelagem matemática; Mapeamento, ensino e aprendizagem

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.5007/%25x

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Alexandria: R. Educ. Ci. Tec., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1982-5153

Licença Creative Commons

Está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.