Avaliação de um estudo de biomas brasileiros mediante sensoriamento remoto: contribuições à formação de professores de ciências

Juliana Mariani Santos, Regis Alexandre Lahm, Regina Maria Rabello Borges

Resumo


Este artigo apresenta uma pesquisa realizada junto a uma turma de licenciandos em Ciências Biológicas, no contexto de um estágio docente. Eles vivenciaram uma oficina pedagógica sobre biomas brasileiros, utilizando o sensoriamento remoto como ferramenta, e avaliaram contribuições desse estudo à sua formação como professores de Ciências. Os instrumentos para coleta de dados foram aplicados em sala de aula antes, durante e após a oficina, e as
informações obtidas foram submetidas a uma Análise Textual Discursiva. Como resultado, os licenciandos destacaram contribuições do sensoriamento remoto à análise crítica dos biomas brasileiros e evidenciaram avanços na construção de novos saberes, bem como na sua formação docente, reconhecendo a importância da atualização da educação em Ciências nas escolas de modo integrado à formação dos professores.


Palavras-chave


Biomas brasileiros; Sensoriamento remoto; Formação de professores; Ciências biológicas; Educação em ciências

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Alexandria: R. Educ. Ci. Tec., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1982-5153

Licença Creative Commons

Está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.