Challenges of education for authorship in the academic sphere

Mary Elizabeth Cerutti-Rizzatti, Adriana de Carvalho Kuerten Dellagnelo

Abstract


The theme of this article is 'Education for authorship in university'; it is organized to answer the following question: What challenges does the academic sphere face as regards education for authorship today? In order to answer that question, the text spouses a theoretical-epistemological affiliation of a historical-cultural basis, employing a comprehensive approach in the generation and analysis of data, which derive from a number of studies consolidated or in phase of consolidation in the Research Group 'Writing Culture and Schooling' of Universidade Federal de Santa Catarina. In response to the research question, it is argued that there are, among many others, three major challenges of substantive relevance in education for authorship: (i) appropriation of knowledge tensioned by relativistic fundamentals in the school sphere; (ii) academic expectations with condescending attitudes; and (iii) selective attention as opposed to auscultation. It is argued that an education for authorship in the academic sphere involves the expansion of individuals’ cultural repertoire throughout their education so as they consolidate a condition of autonomy in opposition to heteronomy.


Keywords


Authorship; Appropriation of Knowldege; Auscultation; Autonomy; Heteronomy

References


AMORIM, Marilia. Para uma filosofia do ato: “válido e inserido no contexto”. In: BRAIT, Beth. (org.). Bakhtin: dialogismo e polifonia. São Paulo: Contexto, 2009, p.17-44.

BAKHTIN, Mikhail M. Para uma filosofia do ato responsável. São Carlos: Pedro e João Editores, 2010 [1920-24].

______[VOLOCHÍNOV]. O Freudismo: um esboço crítico. 2. ed. São Paulo: Perspectiva, 2010 [1927].

______. Os gêneros do discurso. In: ______. Estética da criação verbal. São Paulo: Editora Martins Fontes, 2003 [1952-53], p. 261-306.

______. Estética da criação verbal. São Paulo: Martins Fontes, 2003 [1979].

BRITTO, Luiz Percival. Ao revés do reverso. São Paulo: Pulo do Gato, 2015.

CERUTTI-RIZZATTI, Mary Elizabeth; MOSSMANN, Suziane da Silva; IRIGOITE, Josa Coelho da Silva. Estudos em cultura escrita e escolarização: uma proposição de simpósio entre ideários teóricos de base histórico-cultural na busca de caminhos metodológicos para pesquisas em Linguística Aplicada. In: Fórum Linguístico, v. 10, n. 1, 2013, p. 48-58.

CERUTTI-RIZZATTI, Mary Elizabeth; LESNHAK, Simone. Apropriação dos modos de dizer na esfera acadêmica: desafios do encontro da outra palavra com a palavra outra. Revista do GELNE (UFC), v. 16, p. 20-35, 2015.

______; DELLAGNELO, Adriana Kuerten. Implicações e problematizações do conceito de intersubjetividade: um enfoque na formação do profissional de línguas. Revista Brasileira de Linguística Aplicada (no prelo), 2016.

______; GOULART, Anderson. O ato de dizer nos gêneros do discurso em eventos de letramento: desdobramentos de um simpósio entre conceitos de base teórica distinta. (no prelo), 2016.

DANESI, Marcel. La comunicazione al tempo di Internet. Bari: Progedit, 2013.

FARACO, Carlos Alberto. Norma culta brasileira: desatando alguns nós. 1. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2008.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da esperança. São Paulo: Paz e Terra, 2011 [1992].

GERALDI, João Wanderley. A aula como acontecimento. São Carlos/SP: Pedro & João Editores, 2010.

HAMILTON, Mary. Expanding the new literacy studies: using photographs to explore literacy as social practice. In: ______; BARTON, David; IVANIC, Roz (org.). Situated literacies. London: Routledge, 2000.

HELLER, Agnes. O cotidiano e a história. Trad. Carlos Nelson Coutinho e Leandro Konder. 10. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2014 [1970].

LAROSSA, Bondía Jorge. Notas sobre a experiência e o saber de experiência. Revista Brasileira de Educação. n. 19, jan/fev/mar, 2002.

LESNHAK, Simone. O sujeito na relação com o outro por meio da escrita: a apropriação de modos de dizer para inserção profissional na esfera jurídica. Tese (Doutorado em Lingüística) - Universidade Federal de Santa Catarina, 2014.

LEA, Mary R.; STREET, Brian V. Student writing in higher education: an academic literacies approach. Studies in Higher Education. V.23, p. 157, 16p, 1998.

LILLIS, Theresa M. Student writing: access, regulation, desire. Londres: Routledge, 2001.

LYOTARD, Jean-François. A condição pós-moderna. 15. ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 2013 [1979].

PONZIO, Augusto. Fuori luogo. Milano: Mimesis, 2013.

______. Identidade e mercado de trabalho: dois dispositivos de uma mesma armadilha mortal. In: MIOTELLO, Vladimir; MOURA, Maria Isabel. A alteridade como lugar da incompletude. São Carlos/SP: Pedro e João Editores, 2014, p. 49-95.

______. La Filosofia del Linguaggio. Bari: Laterza, 2011.

______. Procurando uma palavra outra. São Carlos/SP: Pedro & João Editores, 2010.

______.; CALEFATO, Patrizia; PETRILLI, Susan. Fundamentos de Filosofia da Linguagem. Rio de Janeiro: Vozes, 2007.

PONZIO, Luciano. Visioni del texto. Bari: Edizioni B.A. Graphis, 2002.

RONCAGLIA, Gino. La quarta rivoluzione. Bari: Laterza, 2010.

VIGOTSKI, Lev Semenovich. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 2000 [1968].

VIGOTSKI, Lev Semenovich. A construção do pensamento e da linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2001 [1934].

VYGOTSKI, Lev. Semenovich. Obras escogidas. Tomo III. Madri: Visor, 2012 [1931].

VOLÓSHINOV, Valentin Nikoláievich. El Marxismo y la filosofía del lenguaje. Buenos Aires: Ediciones Godot, 2009 [1929].

VOLOCHÍNOV, Valentin. Que é linguagem? In: ______. A construção da enunciação e outros ensaios. São Carlos/SP: Pedro e João Editores, 2013 [1930], p. 131-156.

WERTSCH, James. Mind as action. New York: Oxford University Press, 1998.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8026.2016v69n3p63

Copyright (c) 2016 Mary Elizabeth Cerutti-Rizzatti, Adriana de Carvalho Kuerten Dellagnelo

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.