O estudo da Óptica na modalidade de Educação para Jovens e Adultos (EJA) por meio de uma sequência didática diversificada

Elisete Lopes da Cunha, Adriana Gomes Dickman

Resumo


Neste artigo discutimos a aplicação de uma sequência didática para ensinar Óptica para alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA). A sequência de atividades, composta por estratégias como exibição de vídeos, leitura de artigos de divulgação científica, reconstrução e demonstração de experimentos, e discussões em grupo, foi elaborada tendo por base um ensino de física contextualizado visando uma formação caracterizada pela autonomia intelectual e pensamento crítico. O referencial teórico baseia-se na abordagem histórico-cultural de Vygotsky, que inter-relaciona o aprendizado e o desenvolvimento do indivíduo com a interação deste com o meio social. Na aplicação da sequência de atividades, duas etapas foram essenciais: o pré-teste, no qual foram identificadas as necessidades de aprendizagem dos alunos, bem como seus conhecimentos prévios sobre fenômenos da Óptica; e o pós-teste, que permitiu identificar o desenvolvimento da aprendizagem na maioria dos alunos, indicando o início de uma construção de conceitos científicos a partir dos conceitos espontâneos previamente identificados.


Palavras-chave


Educação de Jovens e Adultos; Vygotsky; Óptica

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7941.2018v35n1p262

 


Cad. Bras. Ens. Fís. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN 2175-7941 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons
> > > > >