AS ANTINOMIAS DIALÉTICAS DO LAZER

Gustavo Martins Piccolo

Resumo


O presente texto busca, através de um árido processo de revisão de literatura, demarcar o lazer como espaço dialético de apropriação, fruição e objetivação cultural pela vivência do lúdico na sociedade, acentuando ao fenômeno lazer a característica de ferramenta mediativa na produção do conhecimento, cuja materialidade pode estar tanto em consonância à incorporação dos objetivos propostos pelas classes dominantes como também no sentido de crítica a estes postulados. Ainda no arcabouço do texto assinalamos possíveis relações entre a Educação Física e o lazer, as quais objetivam a produção de um espaço lúdico libertário e emancipatório.

Palavras-chave


Lazer; Educação Física; Cultura

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8042.2008n30p9



R. Motriviv., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe: 2175-8042.

Os textos publicados na Revista Motrivivência estão licenciados com uma Licença Creative Commons de atribuição não comercial compartilhar igual: CC BY-NC-SA