A Educação Física e a escola itinerante: discutindo a formação dos professores

Vicente Cabrera Calheiros

Resumo


 

Este estudo procura analisar as contribuições da Pedagogia do MST à organização do trabalho pedagógico da Educação Física. Toma como foco central a experiência docente/discente de um coletivo de estudantes da Escola de Educação Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (EsEF-UFRGS) e professores formados pela mesma, na Escola Itinerante Che Guevara, no período entre 2008 e 2009, buscando estabelecer/compreender relações desta área do conhecimento com a Pedagogia do MST.


Palavras-chave


Educação Física; Esporte; Lazer

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8042.2011v23n37p98



R. Motriviv., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, ISSNe: 2175-8042.

Os textos publicados na Revista Motrivivência estão licenciados com uma Licença Creative Commons de atribuição não comercial compartilhar igual: CC BY-NC-SA