Os Jogos do Instituto Federal do Paraná: um estudo sobre as percepções e práticas dos coordenadores de ações esportivas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8042.2022.e83289

Resumo

Este estudo objetivou analisar as percepções e práticas dos coordenadores de ações esportivas do IFPR sobre os Jogos do Instituto Federal do Paraná. Trata-se de uma pesquisa qualitativa descritiva, na qual foi aplicada uma entrevista semiestruturada com os quatro coordenadores envolvidos com a gestão dos JIFPR no período de 2010 a 2021. Os dados foram categorizados e analisados mediante a análise de conteúdo. Por meio dos discursos foi possível apreender-se as construções, as relações e a importância deste evento no contexto ao qual se insere. Os resultados evidenciam que os coordenadores possuem percepções positivas em relação ao evento associadas à importância para a formação integral dos alunos, para suprir uma lacuna e dar visibilidade à instituição. As práticas dos coordenadores, associadas ao planejamento e gestão do evento, por um lado seguem um rito desde a criação dos Jogos e, por outro, buscam inovações para atender as demandas de cada edição.

Biografia do Autor

Matheus Amaral de Souza, Universidade Estadual de Maringá, Campus Regional do Vale do ivaí

Graduado em Educação Física pela Universidade Estadual de Maringá, Campus Regional do Vale do Ivaí

Andréia Paula Basei Basei, Departamento de Ciências do Movimento Humano, Universidade Estadual de Maringá, Campus Regional do Ivaí

Doutora em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Docente do Departamento de Ciências do Movimento Humano da Universidade Estadual de Maringá, Campus Regional do Vale do Ivaí (UEM/CRV).

Referências

BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. Lisboa, Portugal: Edições 70, 2011.

BRASIL. Lei nº 11.892, de 29 de dezembro de 2008. Institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, e dá outras providências. 2008. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 30 dez. 2008. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2008/lei/l11892.htm. Acesso em: 20 mar. 2021.

BOURDIEU, Pierre. Razões práticas: sobre a teoria da ação. 11. ed. Campinas, SP: Papirus, 2011.

CÁRDENAS, Alfredo Ribeiro; FEUERSCHÜTTE, Simone Ghisi. Atuação de gestores esportivos: atividades e responsabilidades. Revista intercontinental de gestão desportiva-RIGD, v. 4, n. 2, p. 271-283, 2014. Disponível em: http://www.revista.universo.edu.br/index.php?journal=gestaoesportiva&page=article&op=viewArticle&path%5B%5D=1415. Acesso em: 22 maio 2021.

COUTINHO, Helen Rita Menezes. Organização de eventos. Ed. E-TEC Brasil, Manaus-AM, 2010.

DELICADO, Nuno. Manual de gestão desportiva. SportImpact, 2003. 154 p.

MARANHO, Mariana Ciminelli. Cadê a quadra, professora? Um relato de experiência da educação física no ensino médio do instituto federal do paraná, campus Telêmaco Borba. Revista Ciência é Minha Praia, p. 10-16, 2019. Disponível em: http://infoprojetos.com.br:8035/revistas/index.php/Cienciaminhapraia/article/view/198. Acesso em: 7 mar. 2021.

MINAYO, Maria Cecília Souza. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 13ª ed. São Paulo, SP: Hucitec, 2013.

NASCIMENTO, Márcio Goes do; PALHANO, Danilo; OEIRAS, Janne Yukiko Yoshikawa. Competições escolares: uma alternativa na busca pela qualidade em educação. In: Simpósio Brasileiro de Informática na Educação, 18, 2007, São Paulo. Anais... São Paulo: [s. n.], 2007. p. 284-287.

OLIVEIRA, Maria Regina Carvalho Teixeira; BARCELOS, Luciano Henrique. Eventos esportivos: uma ferramenta mercadológica da escola particular. Lumina - Revista da Faculdade de Comunicação/UFJF, [S. l.], v. 6, n. 1, 2012. DOI: 10.34019/1981-4070.2012.v6.21030. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/lumina/article/view/21030. Acesso em: 10 jun. 2021.

REVERDITO, R. S. et al. Competições escolares: reflexão e ação em pedagogia do esporte para fazer a diferença na escola. Revista Pensar a Prática, [S. l.], v. 11, n. 1, p. 37–45, 2008. DOI: 10.5216/rpp.v11i1.1207. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fef/article/view/1207. Acesso em: 23 jul. 2021.

SARMENTO, José Pedro et al. O evento desportivo: etapas, fases e operações. Revista Intercontinental de Gestão Desportiva, v. 1, n.2, p. 78-96, 2011. Disponível em: http://www.revista.universo.edu.br/index.php?journal=gestaoesportiva&page=article&op=viewArticle&path%5B%5D=411. Acesso em: 23 maio 2021.

SAWITZKI, Rosalvo Luis. Esporte Escolar: aspectos pedagógicos e de formação humana. Revista Motrivivência, n. 31, p. 132-142, dez. 2008. DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8042.2008n31p132. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2008n31p132. Acesso em: 23 jul. 2021.

VIVAN, Aline Tschoke. Entrevista com Renato Luiz do Nascimento, Aparecida Bernardete Gaion, Emílio Rudolfo Fey Neto, André Santos Cancella. Revista Ciência é Minha Praia, p. 62-68, 2019. Disponível em: http://infopguaifpr.com.br/revistas/index.php/Cienciaminhapraia/article/view/203/212. Acesso em: 7 mar. 2021.

Downloads

Publicado

2022-02-09

Edição

Seção

Artigos Originais