O profissional Fisioterapeuta, a pandemia e os ecos futuros

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8042.2022.e89860

Palavras-chave:

Fisioterapia, Covid-19, Unidade de terapia intensiva

Resumo

Este artigo é resultado do “I Encontro da Fisioterapia da UFPel”, que ocorreu junto ao tradicional Simpósio Nacional de Educação Física da Universidade Federal de Pelotas, e tem o objetivo de apresentar experiências vividas por profissionais fisioterapeutas sobre o momento pandêmico, o cenário apresentado, as dificuldades enfrentadas e os aprendizados. Foi relatada a experiência de profissionais que atuaram durante a pandemia nas áreas de terapia intensiva, unidade de tratamento intensivo neonatal e na clínica, após a alta hospitalar. Identificamos que as experiências vivenciadas na atuação do profissional fisioterapeuta foi marcada pela adaptação ao novo cenário e pelo enfrentamento de diferentes situações com protagonismo, o que possibilitou mostrar o quanto esses profissionais estão prontos para agir, junto aos demais membros da equipe de saúde, nas diversas situações em saúde que podem se apresentar.

Biografia do Autor

Gustavo Dias Ferreira, UFPel

Doutor em Fisiologia Universidade Federal de Pelotas, Curso de Fisioterapia, Pelotas, RS/Brasil

Lorena de Lima Oppelt, UFPel

Mestre em Educação Física Universidade Federal de Pelotas, PPGEF/ ESEF, Pelotas, RS/Brasil

Mariana Silva da Silveira

Fisioterapeuta Hospital Universitário São Francisco de Paula, Pelotas, RS/Brasil

Mauricio Tavares Barbosa

Mestre em Reabilitação e Inclusão  Universidade Católica de Pelotas, Pelotas, RS/Brasil

Lisiane Piazza Luza

Doutora em Ciências do Movimento Humano Universidade Federal de Pelotas, Curso de Fisioterapia, Pelotas, RS/Brasil

Priscila Marques Sosa

Doutora em Ciências Fisiológicas Universidade Federal de Pelotas, Curso de Fisioterapia, Pelotas, RS/Brasil

Rafael Bueno Orcy

Doutor em Fisiologia Universidade Federal de Pelotas, Curso de Fisioterapia, Pelotas, RS/Brasil

Fernando Carlos Vinholes Siqueira

Doutor em Educação Física Universidade Federal de Pelotas, ESEF, Pelotas, RS/Brasil

Referências

ANSAI, Juliana Hotta, AURICHIO, Thais Rabiatt, GONCALVES, Raquel, REBELATTO, José Rubens. Effects of two physical exercise protocols on physical performance related to falls in the oldest old: a randomized controlled trial. Geriatr Gerontol Int, v. 16, p.492–9, 2016. doi: 10.1111/ggi.12497. Epub 2015 Apr 14

ARAÚJO Alessandra Teixeira. Desenvolvimento motor de crianças prematuras internadas em unidade de neonatologia. Dissertação de Mestrado Universidade Federal de Pernambuco. Saúde da criança e do adolescente, 2010. Disponível em https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/9204> Acesso em 15/06/2022.

AZEVEDO, Fábio. A Fisioterapia e sua relação com as evidências. Revista Brasileira de Fisioterapia, v. 12, n. 4, p. 338, 2008. doi: 10.1590/S1413-35552008000500014

COSTA, Giovani Bernanrdo. Paralelismos da Ciência com a Fisioterapia. ASSOBRAFIR Ciência, v. 1, n. 1, p. 9–10, 2010. doi: 10.47066/2177-9333/ac.7708

CREFITO 5. Leis e Atos Normativos das Profissões de Fisioterapia e de Terapia Ocupacional: resolução RDC 7, p. 319,4ª Ed., 2011. Disponível em: https://crefito5.org.br/resolucoes-crefito5. Acesso em 15/06/2022

CURCI, Cláudio, NEGRINI, Francesco, FERRILLO, Martina, BERGONZI, Roberto, et al. Functional outcome after inpatient rehabilitation in postintensive care unit COVID-19 patients: findings and clinical implications from a real-practice retrospective study. Eur J Phys Rehabil Med. v. 57, n.3, p. 443-50, 2021. doi: 10.23736/S1973-9087.20.06660-5. Epub 2021 Jan 4.

KARSTEN, Marlus, MATTE, Darlan Laurício; DE ANDRADE, Flávio Maciel Dias. A pandemia da COVID-19 trouxe desafios e novas possibilidades para a Fisioterapia no Brasil: estamos preparados? Revista Pesquisa em Fisioterapia, v. 10, n. 2, p. 142–5, 2020. doi: 10.17267/2238-2704rpf.v10i2.2971

MEDRINAL, CLément, PRIEUR, Guillaume, BONNEVIE, Tristan, GRAVIER, Francis-Edouard, et al. Muscle weakness, functional capacities and recovery for COVID-19 ICU survivors. BMC Anesthesiol v. 21, n. 64, 2021. doi: 10.1186/s12871-021-01274-0

MOHAMADIAN, Malihe, CHITI, Hossein, SHOGHLI, Alireza, BIGLARI, Sajjad, et al. COVID-19: Virology, biology and novel laboratory diagnosis. J Gene Med. v. 23, n. 2, p. e3303, 2021. doi: 10.1002/jgm.3303

NICOLAU, Carla Marques, LAHÓZ, Ana Lúcia. Fisioterapia respiratória em terapia intensiva pediátrica e neonatal: uma revisão baseada em evidências. Pediatria. São Paulo, v.29, n. 3, p. 216-21, 2007. Disponível em: https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/lil-471252> Acesso em 15/06/2022

NICOLAU, Carla Marques, COSTA, Ana Paula Bastos, HAZIME, Haline Omar, KREBS Vera Lúcia Jornada. Desempenho motor em recém-nascidos pré-termo de alto risco. Bras Cresc e Desenv Hum. v. 21, n. 2, p. 327-34, 2011. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12822011000200015> Acesso em 15/06/2022

ORNELL, Felipe, Halpern, Silvia Chwartzmann, KESSLER, Felix Henrique Paim, NARVAEZ, Joana Corrêa de Magalhães. The impact of the COVID-19 pandemic on the mental health of healthcare professionals. Cadernos de Saude Publica, v. 36, n. 4, p. 1–6, 2020. doi: 10.1590/0102-311X00063520

ROTTA, Bruna Peruzzo, DA SILVA, Janete Maria, FU, Carolina, GOULARDINS, Juliana Barbosa, et al. Relação entre a disponibilidade de serviços de fisioterapia e custos de UTI. Jornal Brasileiro de Pneumologia, v. 44, n. 3, p. 184–9, 2018. doi: 10.1590/S1806-37562017000000196

SILVA, Ana Paula Pereira, FORMIGA, Cibelle Kayenne. Perfil e características do trabalho dos fisioterapeutas atuantes em unidade de terapia intensiva neonatal na cidade de Goiânia-GO. Revista Movimenta. Goiânia, v.3, n. 2, p.62-8. 2010. Disponível em: https://www.revista.ueg.br/index.php/movimenta/article/view/7173> Acesso em 15/06/2022

SILVA Carla Cavalcante Ventura. Atuação da fisioterapia através da estimulação precoce em bebês prematuros. Rev. Eletrôn. Atualiza Saúde. Salvador, v. 5, n. 5, p. 29-36, 2017. Disponível em: https://atualizarevista.com.br/issue/volume-5-2017/> Acesso em: 15/06/2022

DA SILVA, Itacely Marinho, DA SILVA Maria Thayná Bernardo Ferreira, DOS SANTOS, Robson Gomes, FERREIRA, Rossana Karla Gois. Trabalho da Equipe Multiprofissional no contexto da COVID-19: Diversos olhares, um só objetivo. Research, Society and Development, v. 10, n. 3, p. e53210313439, 2021. doi: 10.33448/rsd-v10i3.13439

SMITH, Clare, ODD, David, HARWOOD, Rachel, WARD, Joseph, et al. Death in children and young people in England following SARS-CoV-2 infection during the first pandemic year: a national study using linked mandatory child death reporting data. Research Square. 2021. doi: 10.1038/s41591-021-01578-1

SPRUIT, Martijn, HOLLAND, Anne, SINGH, Sally, TONIA, Thomy, et al. COVID-19: Interim guidance on rehabilitation in the hospital and post-hospital phase from a European Respiratory Society- And American Thoracic Society-coordinated international task force. European Respiratory Journal, v. 56, n. 6, 2020. doi: 10.1183/13993003.02197-2020

VASCONCELOS, Gabriela Arruda, ALMEIDA, Rita de Cássia Albuquerque, BEZZERRA, Andrezza de Lemos. Repercussões da fisioterapia na unidade de terapia intensiva neonatal. Fisioterapia movimento. Curitiba, v. 24, n. 1, p. 65-73, 2011. doi: 10.1590/S0103-51502011000100008

VIZHEH, Maryam, QORBANI, Mostafa, ARZAGHI, Seyed Masoud, MUHIDIN, Salut, et al. The mental health of healthcare workers in the COVID-19 pandemic: A systematic review. Journal of Diabetes and Metabolic Disorders, v. 19, n. 2, p. 1967–78, 2020. doi: 10.1007/s40200-020-00643-9

Downloads

Publicado

2022-07-01

Edição

Seção

Seção Temática