Cornelius Castoriadis: da paidéia à elucidação da escola pública

Autores

  • Líliam do Valle Universidade Estadual do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.5007/%25x

Palavras-chave:

Escolas Públicas - Brasil, Castoriadis, Cornelius, 1922, Public Schools - Brazil

Resumo

As análises que motivam o presente trabalho resultam de uma
pesquisa que, buscando elucidar a instituição da Escola Pública brasileira, debruçou-se particularmente, ao longo da etapa aqui descrita, sobre os discursos produzidos sobre este tema durante as primeiras décadas do século. Porém, mais do que simplesmente expor algumas das conclusões a que, após quatro anos, se pôde chegar, elas objetivam, muito especialmente, colocar em relevo as contribuições fornecidas pela obra de Comelius Castoriadis à fixação dos principais conceitos e interrogações com que se trabalhou, responsáveis pelo tipo de elucidação desenvolvida. E, de fato, no
pensamento do filósofo, a reflexão sobre a educação é bastante recorrente, despontando a cada vez que se trata de pensar a instituição da sociedade e do indivíduo social-dimensões da criação social-histórica que se revelam,
para o autor, como indissociáveis, definindo o interesse e a necessidade de permanente elucidação da política e da psicanálise. Mas definindo, também, um espaço de decisiva importância para a terceira destas atividades «impossíveis» que, penetrando as duas outras, se constitui em uma sua dimensão ineliminável: a paideia.

Biografia do Autor

Líliam do Valle, Universidade Estadual do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro

Professora titular de Filosofia da Educação da UERJ; Doutora pela Universidade de Paris V (1982); Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas d e Formação Humana.

Downloads

Publicado

1999-01-01