Alfabetização e letramento: sedimentação de práticas e (des)articulação de objetos de ensino

Roxane Helena Rodrigues Rojo

Resumo


O artigo intenta contribuir para a discussão de aspectos envolvidos na integração de saberes do professor alfabetizador, no que se refere às relações entre alfabetização e letramento, retomando dados sobre o processo de apropriação de saberes e práticas por parte de uma professora alfabetizadora, durante um processo de formação de professores numa escola da Rede Pública Estadual de São Paulo, que durou dois anos (1999-2001). Para tanto, apresentaremos, num primeiro momento, o contexto da pesquisa que gerou os dados aqui recortados. Em seguida, analisaremos duas aulas da professora Célia: uma, coletada no início do projeto (04/1999), e outra, no início do segundo ano (04/2000), em meados da formação. Por fim, apresentaremos a interpretação dos dados, baseados na noção de sedimentação dos saberes escolares (SCHNEUWLY, 2002, 2005a, b; SCHNEUWLY; CORDEIRO; DOLZ, 2005). A interpretação terá uma dupla direção: a) analisar a apropriação da professora de saberes tematizados na formação docente e, por meio disso, b) tentar contribuir para a integração dos saberes docentes envolvidos na formação, ainda que a posteriori.


Palavras-chave


Alfabetização; Professores-Formação; Prática de ensino; Teaching to read and write; Teacher-Education; Teaching Practice; Alfabetización; Docentes-Formación; Práctica de la Enseñanza

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x

Direitos autorais 2008 Roxane Helena Rodrigues Rojo

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN print 0102-5473, ISSN 2175-795X.

Recomendamos o uso do browser Firefox_Mozilla como navegador do portal .

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.