Uma análise do discurso hegemônico acerca das tecnologias na educação

Raquel Goulart Barreto

Resumo


http://dx.doi.org/10.5007/2175-795X.2012v30n1p41

Este texto analisa os sentidos que têm sido atribuídos à incorporação educacional das tecnologias da informação e da comunicação (TIC) e está organizado em três seções. A primeira compreende uma tentativa de síntese da análise crítica de discurso como alternativa teórico-metodológica para a abordagem dos encaminhamentos relativos ao tema, tendo como horizonte o contexto da “sociedade global da informação”, suas formulações-chave e tendências, enfatizando a de restringir os sentidos possíveis ao da substituição tecnológica. A segunda seção envolve as ressignificações de ensinar e aprender no contexto citado, focalizando os discursos sobre estes processos no cenário internacional. A terceira e última seção aponta para o resgate dos sentidos plurais das TIC na sua recontextualização educacional, tendo em vista superar a substituição tecnológica como sentido hegemônico.


Palavras-chave


Tecnologia da informação e da comunicação; Análise de discurso; Processo de ensino-aprendizagem

Texto completo:

PDF () PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-795X.2012v30n1p41

Direitos autorais 2012 Raquel Goulart Barreto

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN print 0102-5473, ISSN 2175-795X.

Recomendamos o uso do browser Firefox_Mozilla como navegador do portal .

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.