Cotraduzindo a Poeisa Transmental Russa de Velimir Khlébnikov

Mário Ramos Francisco Júnior

Resumo


Este artigo tem por objetivo analisar as traduções de poemas zaúm do poeta cubofuturista russo Velimir Khlébnikov. Um dos mais influentes poetas russos da primeira metade do século XX, Khlébnikov utilizou e desenvolveu, em sua obra, diversos experimentos com a linguagem presentes em vários manifestos das vanguardas russas. A língua zaúm ou transmental foi traduzida pela primeira vez na coletânea de poemas Poesia Russa Moderna, de 1968. A retradução é considerada, neste artigo, como um processo de diálogo, que preferimos chamar de cotradução, com o aproveitamento e reelaboração dos recursos recriados por Augusto e Haroldo de Campos e Bóris Schnaiderman em língua portuguesa.


Palavras-chave


Poesia Russa; Tradução; Velimir Khlébnikov

Texto completo:

PDF/A

Referências


AMÉRICO, E. V. O conceito de tradução na obra de Iúri Lotman: entre intraduzibilidade e liberdade. Tradterm. São Paulo, v. 24 (2014): 17-33. Portal de Periódicos da USP. http://www.revistas.usp.br/tradterm/article/view/96128.

CAMPOS, H. Da Tradução como Criação e como Crítica. In: Campos, H. Metalinguagem e outras metas. São Paulo: Perspectiva, 2004.

CAMPOS, A.; CAMPOS, H.; SCHNAIDERMAN, B. (org.). Poesia Russa Moderna. 6a ed. rev. e ampl. São Paulo: Perspectiva, 2001.

KRUTCHÔNIKH, A. Manifest iz sbórnika “Sadók Sudiéi II. http://rozanova.net/second_page.pl?id=411&catid=14.

FRANCISCO JR., M. R. Velimir Khlébnikov: o mago do além-sentido. Revista Coyote, Londrina, n.26. Kan Editora, 2014.

FRANCISCO JR., M. R. Zanguézi, de Velimir Khlébnikov: a utopia da obra de arte como síntese perfeita do universo. Tese (Doutorado em Literatura e Cultura Russa), Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo. São Paulo, 2007.

GESSNER, R. Transcriação, transconceituação e poesia. Cadernos de Tradução. Florianópolis, v. 36. n. 2 (2016): 142-162. Portal de Periódicos da UFSC. https://periodicos.ufsc.br/index.php/traducao/article/view/2175-7968.2016v36n2p142

KHLÉBNIKOV, V. Sobránie Sotchiniénii v Triôkh Tomakh – Tom Piérvyi – Stikhotvoriénia. São Petersburgo: Akademítcheskii Proekt, 2001.

MAIAKÓVSKI, V. V. V, Khliébnikov. In: Schnaiderman, Boris (Org). A Poética de Maiakóvski. São Paulo: Perspectiva, 1971.

MATTOS, T.; FALEIROS, A. A noção de retradução nos estudos da tradução: um percurso teórico. Revista Letras Raras. Campina Grande, Vol. 3. n. 2 (2014):35-57. Portal de Periódicos da UFCG. http://revistas.ufcg.edu.br/ch/index.php/RLR/article/view/307

MENEZES, P. Poesia Sonora – Poéticas experimentais da voz no século XX. São Paulo: Educ, 1992.

SCHNAIDERMAN, B. Tradução, Ato Desmedido. São Paulo: Perspectiva, 2011.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7968.2019v39nespp330



Cadernos de Tradução, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 2175-7968.