Contribuições dos estudos de recepção audiovisual para a educação em ciências e saúde

Luiz Augusto Coimbra de Rezende Filho, Wagner Gonçalves Bastos, Américo de Araújo Pastor Junior, Marcus Vinicius Pereira, Marcia Bastos de Sá

Resumo


Este artigo traz um panorama da elaboração de uma perspectiva teórica e analítica para pesquisas sobre o uso do audiovisual em contextos educativos, fundamentada nos estudos de recepção audiovisual tal como empreendidos pelos Estudos Holísticos de Mídia. Apresentamos os resultados mais relevantes obtidos nos últimos cinco anos a partir dessa perspectiva. Trazemos questões reconstruídas à luz de revisões, operações teóricas, questionamentos e dados empíricos produzidos por nosso grupo de investigação. Assumimos o pressuposto segundo o qual obras audiovisuais usadas em aula tendem a posicionar o aluno não somente como aprendiz, mas, especialmente, como espectador, o que implica admitir que esse tipo de situação educativa é mais complexa e multifacetada do que, a princípio, se poderia considerar. Os resultados mostram aspectos relativos a como alunos e professores se posicionam frente a materiais audiovisuais e acrescentam nuances a afirmações segundo as quais seu uso em aula é, em si mesmo, motivador e facilitador da aprendizagem.


Palavras-chave


recepção audiovisual; educação em ciências; educação em saúde; endereçamento

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1982-5153.2015v8n2p143

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Alexandria: R. Educ. Ci. Tec., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1982-5153

Licença Creative Commons

Está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.