Da saúde de ontem à saúde de hoje: a formação de professores desde a História Natural às Ciências Biológicas no Brasil

Luan Gustavo, Tatiana Galieta

Resumo


O presente artigo apresenta uma investigação histórica que lançou mão de documentos com diretrizes reguladoras das áreas da Saúde e Educação, documentos produzidos em conferências e estudos do campo de Educação em Saúde (ES) com a finalidade de argumentar a pertinência da questão da saúde na Formação de Professores (FP). Além de analisar se as diretrizes orientadoras para a FP se relacionam com as regulações da educação básica no que tange à saúde, visto que a saúde, desde o final do século XIX, é uma demanda real da educação básica a ser enfrentada pelos professores no cotidiano da docência. Centramos nossas reflexões na FP desde a História Natural às Ciências Biológicas, devido a sua importância para a questão da ES. O estudo indica que não havia diálogos entre as diretrizes curriculares da educação básica e a FP, apenas nos documentos mais atuais, após o ano 2000, encontrou-se alguma relação.

Palavras-chave


Educação em saúde; História natural; Licenciatura em ciências biológicas; Formação de professores

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1982-5153.2017v10n2p197

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Alexandria: R. Educ. Ci. Tec., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1982-5153

Licença Creative Commons

Está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.