Astronomia, ludicidade, enculturação científica: um projeto de extensão voltado a crianças e jovens com indicadores de altas habilidades

Alan Alves Brito, Neusa Teresinha Massoni

Resumo


Reportamos neste trabalho uma experiência didática que buscou disseminar conceitos e discutir fenômenos astronômicos junto a jovens estudantes do Ensino Fundamental com indicadores de altas habilidades, no âmbito de um projeto de extensão universitária desenvolvido em parceria com a Sala de Recursos para Altas Habilidades/Superdotação, que congrega estudantes da educação fundamental da rede pública de Porto Alegre, RS. Uma análise qualitativa preliminar de alguns episódios de ensino é oferecida e fornece indícios de que atividades que envolviam ludicidade e estimulação à interação e ao diálogo tendiam a favorecer o engajamento, a socialização e a enculturação de conceitos científicos. Algumas reflexões sobre a importância deste tipo de projeto e de atividades voltadas à diversidade na educação científica também são oferecidas ao longo do texto.

Palavras-chave


Ensino de astronomia; Altas habilidades; Ludicidade; Extensão universitária

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1982-5153.2019v12n1p111

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Alexandria: R. Educ. Ci. Tec., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1982-5153

Licença Creative Commons

Está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.