Condicionantes de aprendizagens de professores que ensinam matemática em contextos de comunidades de prática

Everton José Goldoni Estevam, Márcia Cristina de Costa Trindade Cyrino

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo investigar os elementos inerentes aos contextos de Comunidades de Prática (CoPs) de Professores que ensinam Matemática que oferecem oportunidades de aprendizagem àqueles que delas participam. As análises, pautadas na Teoria Fundamentada, envolvem artigos, teses e dissertações, cujos elementos identificados são associados a situações evidenciadas na prática de uma CoP. Seus resultados constituem um quadro analítico de trajetórias de aprendizagem dos professores, assim constituído: (i) itinerância de engajamento; (ii) compartilhamento de repertórios; (iii) compromisso solidário; (iv) dinâmicas do(a) grupo/comunidade; (v) reflexões compartilhadas e sustentadas; (vi) relações de confiança e respeito; (vii) espaços de vulnerabilidade e agência mediada; e (viii) dinamicidade do expert e papel do(s) formador(es). Nesses termos, as conclusões sugerem reconhecer as Comunidades de Prática como um espaço privilegiado para desenvolvimento profissional de professores que ensinam Matemática

Palavras-chave


Desenvolvimento profissional; Formação de professores; Aprendizagem social; Educação matemática

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/1982-5153.2019v12n1p227

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Alexandria: R. Educ. Ci. Tec., Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN 1982-5153

Licença Creative Commons

Está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.