Uso coordenado de ambientes virtuais e outros recursos mediacionais

Helder Figueiredo Paula, Sergio Luiz Talim

Resumo


Este trabalho investiga a percepção de estudantes sobre o uso de um laboratório virtual como recurso de ensino e aprendizagem. Esse ambiente virtual permite a manipulação de elementos de circuito e aparelhos medidores. Além desse recurso, outros sete recursos foram concebidos para serem usados de maneira coordenada, de modo a mediar a ação dos estudantes, bem como as interações estudante-estudante e estudantes-professor, os quais têm como foco o ensino e a aprendizagem do conhecimento escolar sobre circuitos elétricos. Neste artigo, são discutidos os conceitos de mediação, ação mediada e recursos mediacionais, bem como uma interpretação teórica, elaborada a posteriori, das escolhas que nos levaram a conceber e a coordenar os recursos que utilizamos. A avaliação da pertinência de nossas expectativas, em relação às contribuições do uso de ambientes virtuais pelos estudantes levou-nos às seguintes questões: (a) como se compara o engajamento declarado pelos estudantes no uso do laboratório virtual simulador de circuitos, com o engajamento declarado por esses sujeitos no uso dos outros recursos mediacionais?; (b) para os estudantes, o uso do laboratório virtual contribuiu para a realização das ações de ensino e aprendizagem mediadas pelos outros recursos? Os dados que construímos para responder a essas questões foram produzidos a partir de um questionário de avaliação do curso e de autoavaliação respondido pelos estudantes ao final de um trimestre letivo. Os resultados encontrados mostram um alto engajamento discente no uso dos recursos mediacionais e sua percepção acerca da importância do ambiente virtual para a realização das ações mediadas pelos outros recursos.


Palavras-chave


Ensino de ciências; Simulações de fenômenos físicos; Laboratório virtual; Mediação pedagógica; Recursos mediacionais

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-7941.2012v29nesp1p614

 


Cad. Bras. Ens. Fís. UFSC, Florianópolis, SC, Brasil - - - eISSN 2175-7941 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons
> > > > >