Conteúdos da Educação Física no Período Pré-Olimpíada de 2016: avanço?

Autores

  • Rafael da Silva Mattos UERJ

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-8042.2008n31p301

Resumo

O objetivo deste artigo é discutir o discurso hegemônico das práticas esportivas como conteúdos da educação física escolar. Diante de toda euforia pela direito de sediar os jogos olímpicos em 2016, a educação física recebe a missão de preparar os novos atletas e futuros campeões. Mas seria isso um avanço na concepção de educação física? Que conteúdos são subestimados em prol dos esportes?

Biografia do Autor

Rafael da Silva Mattos, UERJ

Licenciado em Educação Física pela Universidadedo Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Licenciando emFilosofia pela UERJ, Doutorando em Saúde Coletiva (CiênciasHumanas e Saúde) pela UERJ e bolsista do CNPq.Instituto deMedicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro(UERJ) e Instituto de Educação Física e Desportos da UERJprofmattos2010@gmail.com

Downloads

Publicado

2010-07-15