La retirada de los intelectuales

Roberto Agustín Follari

Resumo


O processo crescente de mercantilização afeta a ciência, como demonstrado pela pretensão da OMC de declará-la serviço
não regulamentável pelos Estados nacionais. Tal situação se coloca no  âmbito da perda de peso da ciência e da
filosofia em sociedades pós-modernas que rechaçam a fundamentação teórica, especialmente quando os jornalistas se
convertem nos novos líderes de opinião. A abstração que o mundo financeiro estabelece na economia leva a uma
desmaterialização do intelectual e ao abandono do conflito e do espírito crítico.


Palavras-chave


Enseñanza superior; intelectuales; educación-aspectos sociales; ciencia; Ensino superior; intelectuais; educação- aspectos sociais; ciência; Higher education; intellectuals; social aspects of education; science

Texto completo:

PDFA


DOI: https://doi.org/10.5007/%25x



Direitos autorais 2008 Roberto Agustín Follari

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN print 0102-5473, ISSN 2175-795X.

Recomendamos o uso do browser Firefox_Mozilla como navegador do portal .

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.