Brasil e Timor-Leste: reflexões sobre formação de professores universitários e cooperação educacional

Raquel Antunes Scartezini, Manuel Belo de Carvalho

Resumo


A cooperação educacional estabelecida entre Brasil e Timor-Leste se pauta no princípio da horizontalidade e prevê a atuação conjunta com vistas à redução das desigualdades sociais. Este princípio também pressupõe que as ações estabelecidas no âmbito da colaboração internacional sejam de caráter transitório, enfocando a solução de problemas específicos que demandam atuação conjunta. No âmbito do apoio ao Ensino Superior, as ações do Programa de Qualificação Docente e Ensino de Língua Portuguesa (PQLP) estão inseridas, principalmente, no contexto da Universidade Nacional Timor Lorosa’e (UNTL) em atividades de ensino, pesquisa e extensão. No caso específico das atividades de ensino, pressupõe-se que as aulas sejam ministradas em codocência de forma a contribuir para a formação do atual quadro docente, tanto o brasileiro quanto o timorense. Este artigo visa refletir sobre as atividades da cooperação educacional brasileira desenvolvidas no Ensino Superior em Timor-Leste, indagando se estas têm contribuído para a formação e o aperfeiçoamento de docentes universitários de ambos os países. Sendo assim, apresenta-se uma breve revisão teórica sobre a importância da formação pedagógica do professor do Ensino Superior, muitas vezes relegada a segundo plano nas Instituições de Ensino Superior tanto do Brasil quanto de Timor-Leste. Posteriormente, destaca-se as potencialidades das atividades de codocência na formação do professor universitário de ambos os países. Finalmente, conclui-se que os resultados dessa cooperação bilateral horizontal são bastante expressivos e que a codocência contribui para a formação pedagógica dos professores de ambos países. Além disso, observam-se ganhos na aprendizagem da língua portuguesa pelos professores e estudantes timorenses.


Palavras-chave


Ensino superior; Formação de professores; Cooperação educacional

Texto completo:

PDFA


DOI: https://doi.org/10.5007/2175-795X.2016v34n2p462



Direitos autorais 2016 Raquel Antunes Scartezini, Manuel Belo de Carvalho

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN print 0102-5473, ISSN 2175-795X.

Recomendamos o uso do browser Firefox_Mozilla como navegador do portal .

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.