Parceria público-privada e a gestão da educação: o Programa Gestão Nota 10 do Instituto Ayrton Senna

Autores

  • Vera Maria Vidal Peroni Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Luciani Paz Comerlatto Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-795X.2017v35n1p113

Palavras-chave:

Público e privado em educação, Instituto Ayrton Senna, Democratização da educação

Resumo

Este artigo apresenta resultados de pesquisa acerca da parceria entre o Instituto Ayrton Senna e escolas de ensino fundamental.  Trabalha com o referencial teórico-metodológico que embasa a análise da relação público-privada e problematiza as parcerias entre escolas e instituições privadas para a democratização da educação pública no Brasil. Para isso, verifica a parceria entre sistemas públicos de educação básica e o Instituto Ayrton Senna, no intuito de analisar as implicações para a democratização da educação, a partir da adesão ao Programa Gestão Nota 10. Na sequência, analisa as relações entre esse período particular do capitalismo e a inserção do privado na educação pública, com a minimização de direitos materializados em políticas sociais, redefinindo a concepção de democracia. O privado passa a ser o parâmetro de qualidade, situação que cria o que muitos autores denominam de gerencialismo. Em termos gerais, concluiu-se que os sistemas de ensino passaram a definir suas atividades de acordo com as determinações do Instituto, tanto na área de gestão como na área pedagógica, com implicações para o processo de construção da democracia nas escolas.

Biografia do Autor

Vera Maria Vidal Peroni, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professora da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Luciani Paz Comerlatto, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professora da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). 

Downloads

Publicado

2017-03-31

Edição

Seção

Artigos de Demanda Contínua