Crítica da lógica dialética de Pavel V. Kopnin: pertinência para a investigação educativa e a prática pedagógica

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5007/2175-795X.2018v36n3p1007

Resumo

Os textos do filósofo russo Pavel V. Kopnin (1922-1971) têm sido objeto de divulgação em América Latina, assim como frequentemente citados em trabalhos acadêmicos. A obra do autor tem sido parte do objeto de estudo dos autores em diferentes projetos de investigação. O objetivo tem sido mostrar a pertinência do legado de Pavel V. Kopnin para a filosofia dialético-materialista, assim como para a investigação e a prática pedagógica. Realizou-se uma análise lógico-crítica de uma seleção de temas relevantes de seus postulados. O método tem sido a análise hermenêutica dos textos de Kopnin, cotejados com obras clássicas de Marx, Engels, Lenin. Foi possível concluir que o pensamento filosófico de Pavel V. Kopnin apresenta notáveis contribuições para a epistemologia dialético-materialista, mas que nele se detectam limitações que devem ser criticadas oportunamente, quando se lhe usa na investigação educativa e na prática da docência. 

Biografia do Autor

Alberto Matías González, Universidade de Sancti Spiritus (UNISS), Cuba.

Doutor em Gestão Ambiental y Desenvolvimento Sustentável e Pós-doutor em Educação. Professor Titular da Universidade de Sancti Spiritus (UNISS), Cuba.

Orlando Fernández Aquino, Universidade de Uberaba (UNIUBE), MG -Brasil

Doutor e Pós-doutor em Educação.

Professor-pesquisador do Programa de Pós-graduação em Educação (Mestrado e Doutorado) da Universidade de Uberaba, MG. Brasil.

Publicado

2018-10-23

Como Citar

González, A. M., & Aquino, O. F. (2018). Crítica da lógica dialética de Pavel V. Kopnin: pertinência para a investigação educativa e a prática pedagógica. erspectiva, 36(3), 1007–1030. https://doi.org/10.5007/2175-795X.2018v36n3p1007

Edição

Seção

Artigos