Um percurso entre imagens e narrativas: reflexões metodológicas desde pesquisas em periferias urbanas

Leandro Rogério Pinheiro

Resumo


A narrativa proposta aqui recupera experiências de interlocução em localidades socialmente vulnerabilizadas de Porto Alegre/RS, para discutir o uso de imagens em pesquisas sobre pertenças em contextos de periferia urbana. Reconhecendo o uso intensivo de apelos imagéticos na atualidade, procura-se problematizar as contribuições de dinâmicas de narrativização disparadas mediante a produção de fotografias pelos sujeitos de diálogo em campo. Neste trabalho, articulam-se outras técnicas e não se deixa de distinguir o lugar culturalmente reservado às imagens fotográficas como interveniente nas interlocuções. Para tanto, as elaborações de José de Souza Martins e Paul Ricoeur foram os principais referentes reflexivos. Procura-se, então, ponderar as resultantes das incursões desde as repercussões do efeito de verossimilhança e das deferências associadas ao fotográfico e a artefatos próximos; bem como desde o contraste de narrativas que, a diferença de narrações de intenção linear, eram instigados pelos ícones interpretados nas imagens.


Palavras-chave


Imagens; Narrativas; Periferia urbana

Texto completo:

PDFA

Referências


ACHUTTI, Luís E. R. Fotos e palavras, do campo aos livros. Revista STUDIUM, 12, 2003.

ACHUTTI, Luís E. R. Fotoetnografia da Biblioteca Jardim. Porto Alegre: Tomo Editorial, 2004.

ANDRADE, Rosane. Fotografia e antropologia: olhares fora-dentro. São Paulo: Estação Liberdade, 2002.

BARTHES, Roland. A câmara clara. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1984.

BARTHES, Roland. O rumor da língua. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

BERGER, John. Mirar. Barcelona: Editorial Gustavo Gili, 2001.

BORGES, Regina C. P. Cenas de trabalho: a fotografia como recurso metodológico para expressar os sentidos do trabalho juvenil. Arquivos Brasileiros de Psicologia, 63, n. especial, p. 38-48, 2011.

BOURDIEU, Pierre. Espaço social e espaço simbólico. In: BOURDIEU, Pierre. Razões Práticas: sobre a teoria da ação. Campinas, SP: Papirus, 1996, p. 149-168.

BRUSCHINI, Maria. Trabalho e gênero no Brasil nos últimos dez anos. Cadernos de Pesquisa, 37(2), p. 537-572, 2007.

CARMINATI, Thiago Z. Imagens da favela, imagens pela favela: etnografando representações e apresentações fotográficas em favelas cariocas. In: GONÇALVES, Marco A. Devires imagéticos: a etnografia, o outro e suas imagens. Rio de Janeiro: 7Letras, 2009, p. 68-91.

DELORY-MOMBERGER, Christine. Álbuns de família, trabalho de memória e formação de si. In: VICENTINI, Paula P. (org.). Sentidos, potencialidades e usos da (auto)biografia. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2010, p. 92-114.

FEIJÓ, Cláudio. Linguagem fotográfica. Belo Horizonte: UEMG, 2015.

FONSECA, Cláudia. Concepções de família e práticas de intervenção: uma contribuição antropológica. Saúde e Sociedade, v.14, n.2, p.50-59, maio-ago/2005.

FONSECA, Tânia M. G. Gênero, subjetividade e trabalho. Petrópolis: Vozes, 2000.

JOVCHELOVITCH, Sandra. Entrevista narrativa. In: BAUER, Martin. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som. Petrópolis: Vozes, 2002, p. 90-113.

LIMA, Márcia et al. Articulando gênero e raça: a participação das mulheres negras no mercado de trabalho (1995-2009). In: MARCONDES, Mariana M. et al. Dossiê Mulheres Negras: retrato das condições de vida das mulheres negras no Brasil. Brasília: Ipea, 2013, p. 53-80.

MANGUEL, Alberto. Lendo imagens: uma história de amor e ódio. São Paulo: Cia das Letras, 2001.

MARTINS, José de S. Sociologia da fotografia e da imagem. São Paulo: Contexto, 2009.

MAURENTE, Vanessa.; TITTONI, Jaqueline. 2007. Imagens como estratégia metodológica em pesquisa: a fotocomposição e outros caminhos possíveis. Psicologia & Sociedade, 19 (3), p. 33-38, 2007.

PERICÀS, Joan M. V. Itinerario biográfico, recursos formativos y empleo: uma aproximación integrada de carácter teórico y metodológico. Barcelona: UAB (tese de doutorado), 2001.

PINHEIRO, Leandro R. et al. Imágenes fotográficas, ética y educación: itinerario posible desde la narrativa de cartoneras. Revista Latinoamericana de Tecnología Educativa, 10, p. 07-20, 2011.

RICOEUR, Paul. Tempo e narrativa – tomos I, II e III. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

ROCHA, Ana Luiza C. da; ECKERT, Cornélia. Antropologia das formas sensíveis: entre o visível e o invisível. In: . A preeminência da imagem e do imaginário nos jogos da memória coletiva em coleções etnográficas. Brasília: ABA, 2015, p. 77-88.

ROUILLÉ, André. A fotografia: entre o documento e a arte contemporânea. São Paulo: SENAC, 2009.

SGOBIN, Alexsandro A. Cotidianos de combate: imagens subvertidas em uma escola pública da cidade de Campinas. Pro-Posições, v. 24, n. 01 (70), p. 225-238, jan-abr/2013.

SONTAG, Susan. Ao mesmo tempo: ensaios e discursos. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.

TACCA, Fernando de. Sapateiro: o retrato da casa. Campinas/SP: UNICAMP (dissertação de mestrado), 1991.

TACCA, Fernando de. 2002. Sapateiro: o retrato da casa. Revista STUDIUM, 10, 2002.

TELES, Anamaria. O uso da fotografia como instrumento de inclusão social: uma experiência com adolescentes de uma comunidade de baixa renda na cidade de Blumenau/SC. Anais do VIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação da Região Sul, Passo Fundo/RS, 2007.

TITTONI, Jaqueline. Subjetivação e trabalho: reflexões sobre a Economia Solidária. In: Anais do VIII Congresso Luso-Afro-Brasileiro de Ciências Sociais, Coimbra, 2004. Disponível em: http://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/10441/000505270.pdf?sequence= 1. Acesso em: 11/03/2016.

TITTONI, Jaqueline. Trabalho, poder e sujeição: trajetória entre o emprego e o desemprego e os “novos” modos de trabalhar. Porto Alegre: Ed. Dom Quixote, 2007.




DOI: https://doi.org/10.5007/2175-795X.2019.e53942



Direitos autorais 2019 Leandro Rogério Pinheiro

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Perspectiva, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. ISSN print 0102-5473, ISSN 2175-795X.

Recomendamos o uso do browser Firefox_Mozilla como navegador do portal .

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.