A contextualização no ensino de equações: uma análise em um livro didático antes e depois do PNLD

Edelweis Jose Tavares Barbosa, Anderson Albuquerque Mendes

Resumo


http://dx.doi.org/10.5007/1981-1322.2016v11n2p363

Esse artigo analisou as formas de contextualização que tem sido utilizada para o ensino de equações nos livros didáticos, observando quais as mudanças que ocorreram passados 12 anos desde a implantação do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD). Para isso, buscamos observar quais livros didáticos estiveram presentes desde a primeira versão do PNLD em 1999 até o PNLD 2014. De forma que, realizamos uma categorização das formas de contextualização nos capítulos destinados ao ensino de equações do primeiro grau com uma variável, categorias estas que foram estruturadas a partir do trabalho de Silva e Santos (2004) a respeito da contextualização. E por fim realizamos a comparação entre os resultados obtidos nos livros antes e depois da implantação do PNLD. Em nossos resultados finais podemos constatar que as principais formas de contextualização utilizadas antes do PNLD mantiveram-se como as mais utilizadas, no entanto apresentam-se agora de maneira mais harmonizadas, sendo estas a contextualização em práticas sociais e em contextos internos à matemática. 


Palavras-chave


Contextualização; Equações; Livro didático

Texto completo:

PDF/A


DOI: http://dx.doi.org/10.5007/1981-1322.2016v11n2p363

 

Indexadores, diretórios e base de dados:

 

 

 

REVEMAT: R. Eletr. Educ. Mat., UFSC/MTM/PPGECT, Florianópolis, SC, Brasil, eISSN 1981-1322.